Mostra Almeida Júnior retoma formato presencial no Teatro Dr. Losso Netto

Foto: Divulgação

Obras acadêmicas e contemporâneas podem ser vistas a partir de 21 de maio

Criada e coordenada pela Apap (Associação Piracicabana dos Artistas Plásticos) e com apoio da Semac (Secretaria Municipal da Ação Cultural de Piracicaba), a 34ª edição da Mostra Almeida Júnior conta com mais de 40 inscrições de 35 artistas nas categorias acadêmica e contemporânea de Piracicaba e região. O evento terá a abertura realizada neste sábado (21), às 19h30, no Teatro Dr. Losso Netto, com a premiação das obras pela diretoria da Apap e pela Comissão Organizadora, a entrada é franca.

Viviane Gibin, artista plástica e curadora desta Mostra, relata que “as obras mostram a volta para si mesmo e a busca dos artistas pela sanidade durante a reclusão e o retorno ao suposto novo normal, retratando a vida ao ar livre, paisagens, lapsos de introspecção e de redescoberta do mundo, ressignificando objetos corriqueiros, transmitindo questionamentos e reflexões”.

Este ano a exposição apresenta 81 trabalhos que serão exibidos até o dia 19 de junho. Os artistas comtemplados na categoria acadêmica são: Robson Tuon, João Caravita, Celito Bonette, Carlos Valério e Irene Barone Fraga. Já os da categoria contemporânea são: Arlete Brito, Melissa Sanches Pozzi, Adalgiza Vaz Rimoli, Marilu Trevisan, Antônio Natal Gonçalves, Pedro Zagatto, Maíra Carvalho, Silvia Dionísio, Josimara Elisa e Paulo Bhai.

“Significa muito, tanto para o público como para os artistas, poder ter as obras expostas à visitação novamente. Depois de dois anos é uma grande alegria poder voltar ao formato presencial com segurança”, comenta Odair Demarchi, presidente da Apap, após dois anos da Mostra sendo realizada apenas no formato virtual.

Trata-se de um dos mais antigos e mais importantes eventos de arte de Piracicaba. Desde 1989, acontece anualmente de forma ininterrupta e tem como o propósito valorizar os artistas e oferecer à sociedade o conhecimento de novas linguagens e técnicas pictóricas. A versão virtual, para conseguir alcançar um público de todas as partes do mundo, também está disponível nas redes sociais da Apap.

A exposição é uma homenagem ao pintor e desenhista brasileiro José Ferraz de Almeida Júnior, que passou parte da sua vida em Piracicaba.

Fernanda Rizzi
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

14 − três =