Motociclista morre após bater em caminhão na SP-147; Águia tentou auxiliar no atendimento

Um motociclista morreu após se envolver em um acidente com um caminhão no quilômetro 136, da  Rodovia Deputado Laércio Corte (SP-147),  no trecho Piracicaba a Limeira, na tarde de ontem. A equipe aeromédica do helicóptero Águia da Polícia Militar de Campinas pousou na rodovia. A vítima sofreu uma parada cardiorrespiratória enquanto enquanto recebia os primeiros atendimentos dos socorristas do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência),  mas ela não resistiu.

O trânsito ficou interditado por aproximadamente uma hora. A aeronave pousou na rodovia. A equipe se preparava para fazer a remoção do motociclista, mas ele não resistiu.

As circunstâncias do acidente serão apuradas posteriormente pela Polícia Civil. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Americana para fazer o exame necroscópico para confirmar a causa da morte, antes de ser liberado aos familiares para providenciarem o sepultamento.

OUTROS CASOS

No mês passado, outro motociclista morreu no quilômetro 141 da mesma rodovia após bater em um veículo Fiat Uno. O resgate do Corpo de Bombeiros foi acionado para o atendimento do motociclista, mas ele não resistiu. Uma mulher, que estava na garupa da moto informou à PM, que o motorista do carro mudou de faixa repentinamente.

O motorista do Uno apresentou outra versão. Alegou que seguia pela faixa da direita da rodovia, quando ouviu o barulho da colisão. A garupa da moto sofreu ferimentos leves. Ela foi conduzida à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Vila Rezende, onde passou por atendimento e depois recebeu alta médica.

Na mesma época do ano passado, outro motociclista também não resistiu após bater seu veículo na defesa metálica da SP-147. Após o impacto, ele caiu de uma ribanceira de aproximadamente dois metros e morreu no local. Um adolescente de 16 anos, que estava na garupa, conseguiu caminhar até o CDP (Centro de Detenção Provisória), onde pediu ajuda. Ele foi socorrido e sobreviveu.

 

Cristiani Azanha

[email protected]

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

9 + catorze =