Muito além da fantasia! 4 lições que as crianças podem aprender com histórias de super-heróis

Diversidade, empoderamento e responsabilidade também estão entre os valores que são transmitidos nas histórias e que inspiram crianças de forma lúdica e divertida. (Foto: Divulgação)

Bem versus o mal, coragem para salvar o dia, a importância da amizade… Esses são temas comuns que toda história de super-herói traz, mas será que é só isso que essas histórias ensinam? Diversidade, empoderamento e responsabilidade também estão entre os valores que são transmitidos nas histórias e que inspiram crianças de forma lúdica e divertida. Abaixo, a pedagoga Claudia Onofre, da Dentro da História, plataforma de livros personalizáveis, e o autor e jornalista Sidney Gusman, parceiro da marca, listam importantes lições que as crianças aprendem ao lerem esse tipo de conteúdo.

Com roupas chamativas, atitudes exemplares e a responsabilidade de salvar o dia contra as forças do mal, os super-heróis já fazem parte do universo infantil e, por meio dos seus feitos, colaboram na educação e desenvolvimento das crianças trazendo uma enorme bagagem de ensinamentos. 

Sidney Gusman, autor de 3 títulos da DC Comics em parceria com a plataforma de livros personalizáveis Dentro da História, e um dos maiores especialistas em histórias em quadrinho do Brasil, ressalta que os heróis têm características únicas, mas com fatores em comum, que acabam os unindo. Isso acontece com Batman, Super-Homem e Mulher-Maravilha.

“Cada um deles tem suas peculiaridades, mas podemos resumir dizendo que os três lutam pela verdade, pelo certo, sempre tentando combater o mal e fazer do mundo um lugar melhor, com menos injustiças. E o mais incrível é que essa missão pode ser cumprida também por quem não tem poderes. Penso que essa é a mensagem dada nos livros e que, quando absorvida ainda na infância, levamos para o resto da vida”.

Diante disso, considerando o poder da leitura infantil, que é capaz de desenvolver a atenção, vocabulário, estimular a criatividade e a curiosidade, as histórias são a melhor maneira de fazer com que as crianças admirem os super-heróis e as mensagens que eles passam? Para Sidney, a resposta é sim! “A leitura é sempre um passaporte para diversos mundos e realidades. Os super-heróis exercem nas crianças um fascínio natural. E como eles sempre disseminam mensagens do bem, para as crianças, acabam servindo como um exemplo a seguir”, ressalta o autor.

Para Cláudia Onofre, educadora da Dentro da História, émuito interessante que as crianças se espelhem nos heróis e que os educadores saibam explorar isso da melhor maneira possível. “Uma forma é criando conexões entre o que elas veem no livro com uma situação da rotina. Por exemplo, quando o pequeno arrumar o cantinho da bagunça, relacionar o momento ao seu herói preferido, mostrando que ambos cumpriram com seus deveres em determinadas situações”.

Vida real!

E quem disse que a imagem que a criança tem dos personagens não pode existir na vida real? Um exemplo muito clássico é a forma como eles enxergam seus pais, familiares próximos ou professores, considerando-os seus super-heróis. “Sempre falo que nossas crianças são esponjas e aprendem através do exemplo, da vivência e dos ensinamentos. Sugiro que cada adulto que traz essa referência de super-heróis possa resgatar o que tem mais de genuíno, o que admira em si, seu maior princípio… e mostre para a criança como isso contribui diretamente na vida da família e das pessoas que estão ao seu redor. Aproveite esse momento para mostrar que os super-heróis da vida real também falham, como o das histórias, mas que a família é a grande motivação para o recomeço, para se reinventar e lutar por novas conquistas ou momentos especiais. Essa relação aberta e próxima com a criança é única, além do vínculo e da memória afetiva irá encorajá-lo para enfrentar as dificuldades”, comenta Cláudia.

4 Lições na prática!

Responsabilidade – Os super-heróis são responsáveis e assumem muitas obrigações, protegendo sua família, comunidade, cidade e mundo.

Lição: Trazer para a criança a importância de cuidar do outro e cumprir os combinados.

Diversidade – Os super-heróis são diferentes em suas características físicas e em seus poderes, porém todos têm sua missão e responsabilidade, ou seja, cada um tem seu espaço.

Lição: Mostrar para a criança a importância das diferenças, de respeitar o outro, que cada um tem habilidades e competências que se trabalhadas juntas tornam as pessoas mais fortes. Levando-os a perceberem que não existe o mais forte, o mais inteligente, o mais bonito etc. Existe um ser único que tem os seus poderes que devem ser explorados da melhor forma possível sem prejudicar o outro.

Caridade/Humanidade – Os super-heróis fazem o bem sem olhar a quem ou contar vantagens.
Lição: Mostrar a importância de ajudar e colaborar com os amigos ou com qualquer pessoa que precisa de ajuda, sem pensar em algo em troca e sem ter a necessidade de sair se glorificando.

Juntos somos mais fortes – Os super-heróis mesmo sendo poderosos e fortes, sempre precisam de ajuda.
Lição: É importante encorajar a criança a enfrentar as situações e seus medos, mas caso ela precise de ajuda para superar qualquer situação, mostrar que ela não há necessidade de ter vergonha de falar sobre isso.

Da Redação

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

4 + onze =