Mulher é presa pela GCM, em Piracicaba, com crack escondida em sua veste íntima

Foto: GCM

Em Piracicaba, uma mulher de 36 anos foi presa em flagrante pela GCM (Guarda Civil Municipal), às 09h48 desta terça-feira (03), com 39 porções de crack escondidas no sutiã. Ela foi detida e vai responder por crime de tráfico de entorpecentes.

A GCM informou que fazia patrulhamento de rotina quando avistou, no cruzamento da rua Pedro Ferraz Pacheco com a avenida Rio das Pedras, bairro Maracanã, uma mulher de 36 anos em atitude suspeita. Ao perceber a aproximação da viatura, a mulher esboçou bastante nervosismo e tentou esconder algo em seu sutiã, o que motivou uma abordagem.

Os guardas afirmam que, de imediato foi possível verificar que, debaixo de seu sutiã, havia um saquinho plástico. Questionada, ela informou que dentro havia 39 porções de crack. Ao ser questionada se possuía mais drogas, ela disse que não e que os entorpecentes pertenciam a um homem. Segundo ela, esse homem havia se evadido do local logo ao perceber a abordagem e que ele estava do outro lado da avenida Rio das Pedras. Esse fato não foi visualizado pela equipe. Ela disse, ainda, que esse indivíduo vendia cada porção do entorpecente pelo valor de R$ 10.

Uma guarda civil feminina foi acionada até o local e realizou uma revista pessoal na mulher, não vindo a encontrar realmente nenhum outro entorpecente em sua posse.

Posteriormente, a GCM realizou uma varredura em toda a região com vistas a esse suposto indivíduo dono das drogas, contudo ele não foi localizado.

Diante dos fatos, a mulher foi detida e conduzida até a delegacia, onde o delegado Daniel Pinho da Torre, ao tomar conhecimento da ocorrência, determinou a elaboração do boletim de ocorrência, ratificando o flagrante por crime de tráfico de drogas. A mulher ficou presa e à disposição da Justiça.

Rafael Fioravanti | [email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

um × quatro =