Nova fábrica da Klabin vai gerar 500 empregos; construção envolve outros 700 postos de trabalho

Empresa oficializou investimentos de R$ 1,6 bilhão em Piracicaba em nova unidade de produção

A ampliação das atividades da Klabin em Piracicaba vai gerar 700 empregos durante a construção da nova unidade e outros 500 postos de trabalhos para operação da fábrica, segundo informou a empresa. Nesta quinta-feira (21), a produtora e exportadora de papéis para embalagens e de soluções sustentáveis em embalagens de papel, oficializou o investimento de R$ 1,6 bilhão para a construção de uma unidade de embalagens de papelão ondulado, em Piracicaba.

A nova fábrica está prevista para entrar em operação no segundo trimestre de 2024 e terá capacidade de produção anual de 240 mil toneladas de papelão ondulado.

Segundo a empresa, o Projeto Figueira, como foi nomeado, está alinhado ao que há de mais moderno em termos de tecnologia, para garantir eficiência operacional e proporcionar a otimização das operações da Klabin.

A unidade fabril será instalada em um terreno de 950 mil metros quadrados, espaço que oferece condições físicas para receber projetos futuros de ampliação de papel reciclado e embalagens de papelão ondulado.

O diretor de Negócio de Embalagens da Klabin, Douglas Dalmasi, explicou que o setor de Papelão Ondulado está inserido em segmentos essenciais como o de alimentos, que cresce historicamente acima do PIB e tem sido impulsionado, nos últimos anos, pela tendência de hábitos de consumo mais sustentáveis e pelo e-commerce.

“A Klabin está construindo uma importante trajetória em embalagens sustentáveis, antecipando tendências de mercado e, principalmente, se preparando para atender às demandas futuras. A construção desta unidade de alta produtividade e com novas tecnologias é mais um marco deste ciclo de expansão, reforçando nosso compromisso de abastecer o crescimento de nossos clientes e seus novos produtos e aumentando nossa atuação no Sudeste, o maior mercado consumidor do País”, afirma Dalmasi.

Segundo o prefeito Luciano Almeida o investimento da Klabin é o maior já realizado na história de Piracicaba. Ele lembrou ainda que a disputa pela planta fabril da Klabin foi acirrada, envolvendo, inicialmente, países sul-americanos e também estados brasileiros, além de cinco municípios paulistas na fase final, o que revela o poder de atratividade que Piracicaba possui hoje, como um dos maiores polos de desenvolvimento tecnológico do Brasil. Durante a coletiva realizada ontem na prefeitura, Luciano disse ainda que o anúncio da nova fábrica da Klabin integra o pacote Decola Piracicaba, que deve ser anunciado em 1º de agosto, quando a cidade completa 255 anos.

José Luiz Guidotti Júnior, titular da Semdettur, afirmou que a fábrica da Klabin vai representar um novo marco para o crescimento da cidade, assim como foi a vinda da Caterpillar repercutiu em Piracicaba e região na década de 1970.

Beto Silva
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dezesseis − oito =