País histórico e de vida noturna

Foto: Pixels

São centenas de templos, paisagens únicas e noites agitadas: mercado noturno de Hanoi é um sucesso

Conhecido historicamente pela guerra que se alastrou durante anos ceifando inúmeras vidas, hoje o Vietnã virou uma rota muito famosa para o turismo do sudeste asiático.
Antes de pensar naqueles filmes de Hollywood onde representam as guerras que esse país passou e em uma cultura totalmente primitiva e até violenta, lembre que isso é apenas um conto e não um fato. O Vietnã é um país pequeno, quente e cheio de culturas próprias e algumas misturadas com a Tailândia e o Camboja. A vida noturna lá é jovem e animada e existem vários templos muito antigos, só para se ter uma idéia, a capital do país, Hanói, tem cerca de 600 templos espalhados na sua região.
Sendo ponto de partida para muitos outros locais paradisíacos, ou não, do país, a Revista Arraso, desta semana vai falar desta capital recheada de cultura, e não é sem motivo, pois a cidade de Hanói existe há mais de 2 mil anos.

TEMPLOS

Como foi dito anteriormente, a capital do país tem mais ou menos 600 templos, sendo religiosos de maioria budista e alguns que representam suas crenças comunistas (sim, o Vietnã é um dos poucos países atualmente que se declara abertamente comunista).
Um dos templos mais famosos é o One Pillar Pagoda, um templo budista de arquitetura única inspirada na flor de lótus, flor que representa vários ensinamentos da religião considerada, inclusive, a representação do próprio Buda.
Apesar de não ser a maior representação de um templo homenageando a religião, sua visita pode ser feita com olhos mais de história, pois possuí cerca de mil anos em sua existência.
Outro local histórico a ser visitado é o Templo da Literatura (Van Mieu), como quase tudo neste país, o local é uma visita histórica. Com mais quase mil anos de existência e foi sede dá primeira universidade do país onde príncipes e reis antigos estudavam neste local. O templo funcionou como local de estudos durante 700 anos e hoje é aberto para visitantes apreciarem seus belos jardins e antigas construções. O templo fica aberto das 8h às 17h e custa 30 mil dongues (cerca de R$4)

VIDA NOTURNA

Se uma coisa os asiáticos não deixam de fazer, independente do país, é ter uma vida noturna animada.
O mercado noturno de Hanói é sempre cheio. Lá você pode provar as comidas de rua tradicionais, conhecer lojas de livros, bijuterias, suvenires e aprecias as luzes coloridas da paisagem urbana de alegre do Vietnã.
Por falar em paisagens noturnas é recomendado assistir o Water Puppet Show, um espetáculo teatral feito por bonecas de cera sob as águas. Se você não compreender a língua, é claro que será difícil de aproveitar a história contada, mas suas luzes e trilha sonora tradicional já são um show a parte para quem deseja mergulhar na cultura local.

ECONOMIA

Talvez o motivo que mais possa atrair os turistas brasileiros é fato de ser muito barato ficar lá. Você pode encontrar hotéis cinco estrelas com diárias custando R$300. No bairro principal da capital o Old Quarter, você pagará diárias de R$122, algo muito vantajoso visto que é bem próximo de atrações turísticas e é considerada uma região segura.
Por isso o Vietnã é um dos países recomendados para um turismo espiritual e natural de maior acesso se comparado à Coréia do Sul ou Japão.

Larissa Anunciato

[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

nove + quatro =