‘Paixão de Cristo’ on-line estreia neste domingo

Foto: Tiago Rochetto

Após realização ininterrupta da peça por 30 anos, espetáculo vai para a internet

A tradicional peça teatral ‘Paixão de Cristo de Piracicaba’ poderá ser vista a partir de domingo, dia 1º, às 20h, no canal do YouTube da Associação Cultural e Teatral Guarantã, produtora do espetáculo (https://www.youtube.com/c/Guarantã). A encenação será liberada em quatro partes, sempre no mesmo horário, finalizando no dia 4, quarta-feira. Realizado por 30 anos ininterruptamente de forma presencial, a ‘Paixão de Cristo’ terá sua primeira edição on-line em 2021, comemorando os 254 anos de Piracicaba.

Encenada desde 1990 durante a Semana Santa, a montagem não pôde ser realizada em 2020 e 2021 durante o período tradicional devido à pandemia de covid-19, resultando no adiamento das duas últimas edições. Porém, por ocasião do aniversário da cidade, e com o apoio da Secretaria Municipal da Ação Cultural e da prefeitura, as equipes de produção e direção artística do projeto propuseram a readequação a fim de contemplar o público assíduo do espetáculo, bem como possibilitar a formação de novas plateias a partir da obra audiovisual para internet.

O espetáculo foi gravado no Engenho Central no último dia 17. “Toda equipe foi reduzida a 40% do formato original: montagem, cenografia e elenco estão seguindo todos os protocolos de segurança para possibilitar Piracicaba contar a história de Jesus por meio da arte”, informou Anelisa Ferraz, diretora de produção do projeto. “Marcos Thadeus adaptou a estética da encenação, mantendo a qualidade artística e realista que a obra propõe”, completou.

Neste formato, o elenco é composto por 35 pessoas, mantendo alguns atores e atrizes cujo processo de pesquisa foi iniciado no ano de 2020. Jesus e Maria seguem protagonizados por Giovani Bruno e Mayra Kristina. “Mantivemos alguns núcleos das passagens bíblicas, como o Sinédrio composto pelos Sacerdotes, a Santa Ceia com os Discípulos e o palácio de Pilatos, interpretado por Tarcísio Rafael”, conta Marcos Thadeus, o atual diretor artístico.

Cristiane Bonin
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

vinte − cinco =