Goleiro Weverton faz parte da defesa que levou apenas 10 gols em 2019 (Foto: Cesar Greco/Ag Pameiras/Divulgação)

O Palmeiras enfrenta o Internacional nesta quarta-feira (17), às 21h30, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil 2019. O confronto será no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre e já que venceu a primeira partida por 1 a 0, o Verdão joga por um empate para avançar a semifinal. Os gaúchos precisam vencer por dois gols de diferença para avançarem, ou por um gol para levar a decisão para os pênaltis. O vencedor enfrentará o classificado do confronto entre Cruzeiro e Atlético-MG, sendo que os cruzeirenses venceram a ida por 3 a 0.

O técnico Luiz Felipe Scolari, disse logo após o clássico diante do São Paulo, que as mudanças feitas na equipe do Palmeiras são para preservar a condição física dos atletas e não por menosprezar os adversários. “Como temos três competições, temos que poupar um ou outro jogador em razão da distância percorridas pelo mesmo na partida anterior, mas mantemos a estrutura, portanto conseguiremos brigar por tudo que queremos neste ano. Normalmente temos que fazer quatro ou cinco alterações em razão da sequência dos jogos. Todos sabem que no Sul tenho um carinho especial pelo Grêmio, mas faço isso pela sequência de jogos, não é nenhum menosprezo pelo Internacional, clube que sempre respeitei”, afirmou Felipão.

Um dar armas do Verdão em busca da classificação é a solidez da defesa, já que em 25 jogos oficiais neste ano, a equipe sofreu apenas 10 gols e não foi vazada em 26 oportunidades. Além dos zagueiros, laterais e volantes, Felipão elogiou o goleiro Weverton, que mesmo defendendo poucos chutes, também vem se destacando nesta parte “Costumamos dizer na linguagem do futebol, que goleiro bom é aquele que quando é acionado, vai lá e pega. Ele não precisa fazer milagres, mas tem que pegar algumas bolas, que são aquelas chamadas de milagres do jogo e o Weverton fez isso na última partida, fazendo duas, três defesas importantes. Ele é jovem, vem trabalhando muito bem, treinando bem. Nossos três goleiros nos confiamos muito, independente de quer escalarmos, sabemos que dará conta do recado”, comentou Felipão.

Reforço do Palmeiras durante a parada da Copa América, Ramires foi apresentado oficialmente nesta segunda e falou sobre seus treinamentos para readquirir a parte física. “Estou treinando bastante a parte física, procurando fazer o melhor para estar disponível para os próximos jogos. Venho treinando de manhã, de tarde; dentro da academia e no campo. Posso dizer que estou 95% pronto na questão física. Continuarei fazendo esse trabalho para treinar com a equipe e ficar pronto o mais rápido possível”, comentou Ramires..

O último jogo entre Internacional e Palmeiras em Porto Alegre foi no último Brasileirão e terminou empatado em 0 a 0. A última vitória dos gaúchos em casa sobre o Verdão foi pelas oitavas de final da Copa do Brasil 2017, na qual venceram por 2 a 1, gols de D’Alessandro e Nico López, com Thiago Santos marcando o tento de honra palmeirense. Já a última vitória do Palmeiras sobre o Colorado no Sul foi pelo Brasileiro de 2016, quando venceu por 1 a 0, gol de Erik.

O Palmeiras está a um empate de chegar a semifinal da Copa do Brasil pela nona vez em sua história. Os anos em que o Verdão passou pelas quartas foi em 1992, 1996, 1997, 1998, 1999, 2012, 2015 e mais recentemente em 2018, quando eliminou o Bahia para chegar entre os quatro primeiros. O Internacional precisa vencer para disputar a quinta semifinal de sua história, repetindo as campanhas de 1992, 1999, 2009 e por fim 2016, edição em que eliminou o Santos para ser semifinalista pela última vez.

Mauro Adamoli

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

três × 3 =