Lixo e entulho ainda estão acumulados na rua Bom Jesus, no Bairro Alto (Foto: Claudinho Coradini/JP)

A Prefeitura de Piracicaba divulgou um comunicado, na última quinta-feira, informando que a coleta de lixo na cidade está normalizada. “Segundo a empresa responsável pelo trabalho, a Piracicaba Ambiental, toda a frota de caminhões está nas
ruas e os horários continuam os mesmos. A coleta da noite também está em ritmo regular”, informou a administração
municipal em nota.
No entanto, ao menos para os moradores do Bairro Alto, o serviço ainda apresenta deficiência e até ontem, uma grande
quantidade de detritos estava há três dias sem ser recolhido.
O acúmulo de lixo na rua Bom Jesus irritou o projetista Aldir Módolo. Ele contou que foi à casa do pai no dia 31, véspera de Ano Novo, e era impossível permanecer com janelas ou portas abertas devido ao mau cheiro do lixo acumulado na calçada.
“Esse lixo está acumulado há dias. Tem de tudo, está com mau cheiro, a casa do meu pai precisa ficar fechada para não
sentir o cheiro de podridão”, relatou o Módolo.
Além dos vários sacos com lixo doméstico, que acabaram sendo espalhados pelos cães, os moradores vizinhos convivem com sofás e restos de móveis acumulados.
Nesta semana, moradores do Jardim Elite se queixaram da falta de coleta de lixo que já durava uma semana. As reclamações também se estederam às dificuldades de contato com a Sedema (Secretaria de Defesa do Meio Ambiente), responsável por fiscalizar a coleta no município.
A bancária Cinthia Teixeira disse que não conseguiu falar nos telefones da pasta para fazer a reclamação.
AUMENTO DE LIXO
No comunicado divulgado anteontem pela prefeitura, a Ambiental informa que houve um aumento no volume de lixo em 15% na comparação com o mesmo período do ano anterior. “De acordo com a empresa, houve um aumento considerável no volume de lixo domiciliar, aproximadamente 15% em relação ao ano passado no mesmo período”, traz a nota.
Segundo a administração municipal, a própria Ambiental se surpreendeu: “em dezembro já foram coletadas 11.600 toneladas de lixo”, informou.

Beto Silva
[email protected]

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dois × dois =