Pelotão Ambiental: menino é atacado por pit bull que sofria maus-tratos

0
512 views
Segundo a Guarda, o cão é alimentado por vizinhos (Divulgação)

Um garoto de 12 anos foi atacado por um pit bull que escapou de uma residência vazia, na Vila Independência. O menino teve lesões no braço, perna direita e tórax. Ele foi socorrido pela equipe Resgate do Corpo de Bombeiros à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Rezende, onde passou por atendimento e liberado no mesmo dia. O caso ocorreu na quarta-feira (20), mas a denúncia chegou ao Pelotão Ambiental da Guarda Civil somente na sexta-feira (22).

Os guardas foram acionados para atender um caso de maus-tratos. Os agentes constataram que aparentemente o cão estava abandonado no imóvel e era alimentado por vizinhos. Eles localizaram o tutor do cão, um homem de 28 anos, que alegou que realmente mantinha o cão na residência até que conseguisse outra pessoa para adotá-lo. Os GCs Luciane e R.Santos, do Pelotão Ambiental, recebeu outras denúncias de maus-tratos do mesmo animal e que não seria a primeira vez que mordia um vizinho.

Os agentes entraram em contato com um representante do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) que informou que aparentementeoanimal não sofria maus-tratos, mas seria monitorado por eles. Sendo assim, o cão permaneceu provisoriamente na mesma casa. O responsável pelo cão foi indiciado por omissão na cautela na guarda de animais e nos próximos dias deverá prestar depoimento sobreocaso.

FURTO

Os GCs Patrícia, Mônica e Jeferson, da Base Móvel, prenderam dois homens suspeitos de furtarem a placa inauguração de bronze do Museu da Água, no início da noite desta sexta-feira. Eles teriam sido localizados na região da Rua do Porto, com o objeto enrolada em um pano. Os dois acusados de 34 e 48 anos tem 15 passagens por furtos e homicídio. Ambos foram levados ao plantão policial.

LEIA MAIS

Cristiani Azanha
[email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

treze + cinco =