Pensando na final do Paulista, São Paulo tenta avançar na Libertadores

Pensando na final do Paulista, São Paulo tenta avançar na Libertadores
Fonte: Agência Brasil

São Paulo e Racing se enfrentam às 21h30 (horário de Brasília) desta terça-feira (18) podendo se classificar juntos às oitavas de final da Libertadores, com uma rodada de antecipação. Se na partida que começa às 19h, também nesta terça, o Rentistas (Uruguai) não vencer o Sporting Cristal (Peru) no estádio Nacional de Lima, na capital peruana, brasileiros e argentinos – que possuem oito pontos e lideram o Grupo E – entram em campo no Morumbi garantidos na próxima fase. Os uruguaios somam três pontos e são os únicos que podem alcançá-los.

Com a classificação encaminhada ao mata-mata sul-americano, o Tricolor deve repetir o que fez na semana passada, quando empatou por 1 a 1 com o Rentistas, na capital uruguaia Montevidéu, e atuar com jogadores habitualmente são reservas. É que nesta quinta-feira (20), às 22h, a equipe começa a decidir o título paulista com o Palmeiras, no Allianz Parque.

O escrete dirigido por Hernán Crespo vive uma maratona desde que o futebol foi retomado no estado de São Paulo, após três semanas de interrupção devido a restrições da pandemia do novo coronavírus (covid-19). O duelo com o Racing será o 15° em 38 dias. No último domingo (16), quando goleou o Mirassol por 4 a 0 no Morumbi e se classificou à decisão do Paulista, o Tricolor foi a campo menos de 48 horas após derrotar a Ferroviária por 4 a 2 na sexta-feira passada (14), também em casa.

“Simplesmente não é uma opinião, mas é um fato. Isso aconteceu. Jogamos em menos de 48 horas e não foi a primeira vez no Paulistão. Agradeço aos atletas pelo esforço. Sem coração, sem gana, sem vontade, não se chega a lugar nenhum. Eles [jogadores] têm muito coração, muito mesmo, e demonstram isso a cada treino, a cada jogo, independente do resultado. Eu sempre digo que resultado é uma consequência. Seguramente, o que os atletas estão fazendo é empolgante”, afirmou Crespo, em entrevista coletiva.

O São Paulo deve atuar com Lucas Perri no gol; Rodrigo Freitas, Diego Costa e Bruno Alves formando o trio de zaga; Rodrigo Nestor na cabeça de área, Luis Orejuela e Wellington nas laterais direita e esquerda, respectivamente; Talles Cunha e Igor Gomes no meio-campo e Vitor Bueno e Luciano alinhando no ataque. Este último, habitualmente titular, está recuperado de lesão e só voltou a jogar no domingo passado, após duas semanas tratando um estiramento no posterior da coxa esquerda. O camisa 11 ainda está sem ritmo.

O Racing, por sua vez, também esteve em campo no último domingo, pela manhã, no estádio José Almalfitani, em Buenos Aires (Argentina), quando superou o Vélez Sarsfield nos pênaltis por 4 a 2, após empatar sem gols no tempo normal, pelas quartas de final da Copa da Liga Argentina. A Academia enfrenta o Boca Juniors na semifinal da competição local no domingo (23). Como o intervalo até o próximo compromisso é maior que o do São Paulo, o time de Avellaneda, na região metropolitana da capital, deve atuar com força máxima no Morumbi.

 

Radio Nacional

Pensando na final do Paulista, São Paulo tenta avançar na Libertadores

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

16 − 5 =