Piracicaba acumula 895 mortes e 47.344 casos positivos da doença

A Secretaria de Saúde de Piracicaba registrou, nesta quinta-feira(13), mais três mortes e 188 casos positivos de covid-19. Com
esses registros, a cidade passa a contabilizar 895 óbitos e 47.344 casos confirmados da doença. Piracicaba tem ainda 717 casos suspeitos, 82.393 casos descartados e 45.166 pacientes recuperados. No total, a pasta registra 1.283 pessoas em tratamento.

Nesta quinta-feira, a taxa de ocupação de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) em Piracicaba era de 90%, enquanto os leitos de enfermaria operavam com 77% da capacidade.

A Secretaria de Estado da Saúde informou ontem que a adesão à campanha de imunização contra a gripe apresentou leve melhora desde a última semana, mas a cobertura vacinal ainda está abaixo de 40% entre os trabalhadores da saúde, crianças de seis meses
a menores de seis anos, grávidas e puérperas (mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias).

Por isso, a pasta segue convocando estes públicos para garantirem sua dose de proteção contra o vírus Influenza, além de incentivar a imunização dos idosos (pessoas com 60 anos ou mais) e os professores das redes pública e privada de ensino, inseridos na segunda etapa da campanha, que começou nesta semana.

A primeira etapa começou no dia 12 de abril, totalizando 5,5 milhões de pessoas. Desse total, somente 1,8 milhão aderiram à campanha até o momento, somando 1,2 milhões crianças (36,9% de cobertura vacinal), 144,4 mil gestantes (33%), 420,6 mil profissionais da saúde (27,1%) e 26,7 mil puérperas (37,2%).


Beto Silva

[email protected]

Leia mais:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

oito + quatro =