Piracicaba passa Cuba em casos confirmados e mortes por covid-19

Em Piracicaba são 3.118 infectados e 99 mortos (Foto: Amanda Vieira/JP)

Com 3.118 infectados e 99 mortos, a situação da cidade de Piracicaba diante da pandemia do novo coronavírus é pior do que Cuba, país com 11,477 milhões de habitantes. De acordo com o site Worldmeters, que informa a situação da pandemia em todo o mundo, o país comunista possui 2.353 casos confirmados e 86 mortos pela covid-19.

Piracicaba teve ontem mais um dia com grande quantidade de diagnósticos da doença. Segundo comunicado da prefeitura, foram confirmados mais 136 casos, sendo 69 homens com idades entre 19 e 90 anos e 67 mulheres de 20 a 95 anos. A cidade registrou mais três mortes: um morador do Lar dos Velhinhos de 79 anos e duas idosas de 79 e 95 anos.

A instituição contabiliza 12 mortes de residentes pela covid-19.

HORÁRIO DO COMÉRCIO
O Governo do Estado de São Paulo vai autorizar a ampliação do horário de funcionamento de estabelecimentos comerciais em cidades localizadas em regiões classificadas na fase 2 (laranja) do Plano São Paulo.

A medida foi anunciada ontem e será formalizada em decreto. A ampliação do horário será permitida para comércio de rua e shoppings.

A mudança foi avaliada e autorizada pelo Centro de Contingência do coronavírus. A alteração prevê o aumento de duas horas a mais (das atuais quatro horas para seis horas consecutivas) durante quatro dias úteis.

A norma para o estabelecimento respeitar lotação de até 20% da capacidade do local continua mantida. Esses cuidados são necessários para evitar a proliferação do coronavírus no ambiente, segundo informou o Estado.

“O Centro de Contingência autorizou uma opção de funcionamento por seis horas durante quatro dias úteis. Com comércio operando quatro dias durante seis horas e fechando três dias, é possível um melhor planejamento e também garante a segurança pelo aspecto da saúde”, afirmou a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen. O detalhamento da flexibilização do horário será divulgado em decreto, a ser publicado nos próximos dias.

A fase 2, também chamada de controle, é uma das cinco fases previstas no Plano São Paulo, programa do Governo do Estado com orientações para uma retomada segura da atividade econômica durante a pandemia do coronavírus. Atualmente 11 das 22 regiões do Estado estão classificadas na fase 2.

MORTES NO ESTADO
Ontem o Estado de São Paulo registrou 15.351 óbitos e 302.179 casos confirmados do novo coronavírus.

Dos 645 municípios, houve pelo menos uma pessoa infectada em 624 cidades, sendo 382 com um ou mais óbitos.

Entre o total de casos diagnosticados de covid-19, 162.851 pessoas estão recuperadas, sendo que 45.303 foram internadas e tiveram alta hospitalar.

As taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 64,7% na Grande São Paulo e 64,1% no Estado. O número de pacientes internados é de 13.953, sendo 8.331 em enfermaria e 5.622 em unidades de terapia intensiva, conforme dados das 10h30 da manhã de hoje.

EPIs
A Guarda Civil de Piracicaba recebeu na terça feira (30), Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), doados pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). Os equipamentos são destinados aos profissionais da segurança na prevenção e combate ao Covid-19.

Segundo a comandante da Guarda Civil, Lucineide Maciel, são 15.900 luvas descartáveis, 15.942 máscaras de proteção facial e 638 unidades de 500ml de álcool gel 70%.

“O material é muito importante para auxiliar nas medidas preventivas no combate a covid-19. Será distribuído aos guardas civis pois, por prestarem serviços essenciais, necessitam de equipamentos de proteção para a realização dos trabalhos diários”m afirmou a comandante.

Lucineide agradeceu a parceria com o Governo Federal que, segundo ela, reconhece as Guardas Municipais como integrantes operacionais para o fortalecimento da segurança dentro dos municípios.

Beto Silva