Piracicaba registra 321 mortos e 13.506 infectados por covid-19

Ontem foram registrados 4 óbitos e 72 novos positivados (Foto: Amanda Vieira/JP)

A Secretaria de Saúde de Piracicaba registrou ontem quatro mortes em razão da covid-19. O número de mortes por covid-19 no município aumentou para 321. Em relação aos contaminados pela doença, foram mais 72 pessoas nas últimas 24 horas, sendo 41 mulheres (entre 9 e 94 anos) e 31 homens (entre 12 e 83 anos), elevando o número de contaminados para 13.506.

O município também registra 12.032 pessoas recuperadas da doença, 1.153 pessoas em tratamento, 1.165 casos suspeitos e 19.711 casos descartados.

NO ESTADO
O Estado de São Paulo registrou ontem (15) 32.963 óbitos e 901.271 casos confirmados do novo coronavírus. Entre o total de casos diagnosticados de covid-19, 763.246 pessoas estão recuperadas, sendo que 99.736 foram internadas e tiveram alta hospitalar. As taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 50,3% na Grande São Paulo e 50,7% no Estado.

BRASIL
Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 1.113 óbitos e 36.653 novos casos relacionados ao novo coronavírus. Os dados estão no balanço diário do Ministério da Saúde divulgado na noite de ontem (15). Desde o início da pandemia, 133.119 pessoas morreram em razão da covid-19. Ainda de acordo o balanço diário, o número de pessoas diagnosticadas com covid-19 desde o início da pandemia chegou a 4.382.263.

VACINAÇÃO
Com o isolamento social e o medo de comparecer aos serviços de saúde durante a pandemia de covid-19, a cobertura vacinal no Brasil este ano está muito abaixo da meta, com algumas vacinas do calendário básico do Programa Nacional de Imunização não atingindo metade do público-alvo esperado.

O alerta foi feito ontem pelo presidente da Sociedade Brasileira de Imunização, Juarez Cunha. Ele apresentou dados do Data SUS referentes a agosto, segundo os quais nenhuma cobertura para crianças até 2 anos atingiu 60% do público-alvo no período. No caso da hepatite B, estava em 45,35%, da poliomielite, em 51,75% na primeira dose e 45,23% no primeiro reforço e, no reforço da tríplice viral, em 44,34%.

Beto Silva

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

2 × 5 =