Piracicaba registra nove óbitos por covid-19 neste sábado (26)

Foto: Divulgação

A Secretaria da Saúde registrou nove óbitos, sendo cinco homens de 41, 67, 68, 70 e 74anos e quatro mulheres de 30, 39, 53 e 64 anos. A cidade registra ainda 58.225 casos confirmados, 1.428 casos suspeitos, 92.689 casos descartados, 54.611 casos recuperados e 2.479 pessoas em tratamento. Com as mortes de hoje, Piracicaba atinge 1.135 óbitos pela doença.

Em 24 horas também outras 262 pessoas receberam o diagnóstico positivo para a doença. Neste domingo a taxa de ocupação de leitos UTI-SUS está em 98% e a do setor privado em 84% .Já as enfermarias-SUS estão com ocupação de 64% e as do setor privado em 70%.

Secretaria Municipal de Saúde vai intensificar a aplicação de doses da vacina contra Covid-19 no município. O “vacinaço” aplicou mais de 14 mil doses em pessoas com 43 anos ou mais, gestantes, puérperas e pessoas com deficiência permanente com 18 anos ou mais, das 8h às 16h, somente para quem fez o agendamento no site VacinaPira.
Foi disponibilizadas para o ‘vacinaço’ 46 equipes em 34 unidades de saúde, além do Ginásio Municipal Waldemar Blatkauskas. O secretário de Saúde, Filemon Silvano, lembra que o município tem trabalhado para vacinar o maior número possível de pessoas contra a Covid-19 por dia, para evitar o crescimento da doença na cidade, ampliando os locais de vacinação.

“Só conseguimos diminuir os casos com mais piracicabanos sendo vacinados no mais curto espaço de tempo possível. É isso que queremos com esta ação”, afirma. “Já estamos vendo o impacto positivo da vacinação nos idosos. A idade média de óbitos por Covid-19 caiu 20 anos. Em abril do ano passado, era de 81 anos. Em junho desse ano, caiu para 61 anos. Como eram os que apresentavam casos mais graves da doença, a cobertura vacinal contribuiu para diminuir a letalidade nessa população.”, destaca o secretário.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

4 + 4 =