Polícia apura morte de adolescente que chegou desacordado à UPA

Caso foi registrado no plantão policial (Claudinho Coradini/JP)

A Polícia Civil apura a morte de um adolescente de 16 anos, que deu entrada desacordado na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Rezende, no início desta quinta-feira (3). O caso foi registrado no plantão policial como morte suspeita.

Segundo o boletim de ocorrência, uma enfermeira da unidade informou à Polícia Civil, que o jovem foi levado à UPA pelo primo às 22h53 da quarta-feira (2), chegou a receber atendimento, mas morreu aos cinco minutos da madrugada do dia seguinte.

A médica Teresa Moura constatou que o menor estava desacordado. O primo teria relatado que ele estava com convulsão, diarreia e com vômito. A suspeita é que ele sofreu algum tipo de intoxicação exógena e solicitou que a polícia fosse comunicada.

O corpo do adolescente foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para a realização de exame necroscópico para confirmar a causa da morte. O laudo deverá ficar pronto no período de 30 dias.

Cristiani Azanha

[email protected]

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

nove − 1 =