Polícia Civil apura suposto golpe da vistoria dos bombeiros

Somente os bombeiros militares podem fazer vistorias (Claudinho Coradini)

A Polícia Civil apura o golpe da falsa vistoria dos bombeiros. Um homem que se passou por bombeiro civil alegou que o auto de vistoria dos bombeiros estava vencido e que precisaria ser renovado. Alegou que o custo seria de R$ 1,8 mil. No entanto, a filha do proprietário já tinha realizado a regularização e teria pago em torno de R$ 800. Os bombeiros militares foram acionados e em seguida, acionaram a Polícia Militar, na tarde desta terça-feira (11). O suspeito foi trazido à sede da UPJ (Unidade de Polícia Judiciária ),onde o caso está sendo registrado.

O tenente Erik, do 16º Grupamento dos Bombeiros de Piracicaba esclareceu que todas as taxas são pagas diretamente por meio Via Fácil Bombeiros, que é o portal de serviços da instituição. Quando necessário pagar alguma taxa é gerado um boleto, cujo pagamento é direcionado exclusivamente ao Estado. Nenhum bombeiro recebe qualquer quantia no local do serviço e exclusivamente, os bombeiros militares estão credenciados para realizar esse tipo de vistoria.

O CASO
“Recebemos uma informação de que uma pessoa se passava por bombeiro civil e exigia algumas coisas do comerciante, e que inclusive essa mesma pessoa ficou de retornar ao estabelecimento. Acionamos a PM para verificar se a pessoa cometia algum crime e por isso foi trazida ao distrito policial para averiguar se trata de algum tipo de estelionato ou não”, relatou.

Policiais militares levaram o suspeito à delegacia (Claudinho Coradini/JP)

VISTORIAS
O tenente enfatizou que somente o bombeiro militar faz vistorias e é credenciado tal ação. “A título de informação, a vistoria é feita, exclusivamente, pelo bombeiro fardado, que usa viatura. Caso tenha alguma dúvida, deve solicitar a funcional, que deve ser fornecida imediatamente”, informou o bombeiro. O oficial disse ainda que não deve ser permitida a entrada de qualquer pessoa no estabelecimento sem que haja a autorização. Até às 17h, a ocorrência ainda não tinha sido finalizada.

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

nove − 8 =