Polícia Civil é homenageada em Piracicaba por prisão de acusado de feminicídio de Carolina

Foto: Davi Negri

A Polícia Civil do Estado de São Paulo recebeu uma moção de aplausos pelo sucesso na operação que resultou na captura do acusado do feminicídio de Carolina Dini Jorge, ocorrido em Piracicaba no dia 24 de março. A homenagem foi entregue na manhã desta terça-feira (17), pela vereadora Ana Pavão (PL), autora da moção 61/2022.

Carolina Dini Jorge tinha 41 anos e era funcionária da Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz). Ela foi assassinada com seis facadas no dia em que foi pegar a filha na Escola Estadual Honorato Faustino, no bairro São Dimas. Era por volta das 17h do dia 24 de março. Após o crime, Anderson dos Santos Andrade fugiu. Ele foi localizado no dia 30 de março no Rio de Janeiro, durante um trabalho de investigação da Polícia Civil, com apoio de vários outros órgãos. Sua prisão foi feita pela Divisão de Capturas, unidade da Polícia Civil localizada na capital paulista.

A delegada Monalisa Fernandes dos Santos, da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher), recebeu o quadro da moção de aplausos em nome de seus colegas. Já o delegado diretor do Deinter-9, Kleber Torquato Altale, e o delegado da Deic (Divisão Especializada em Investigação Criminal), Wilson Lavorenti, receberam o Certificado de Honra ao Mérito. Também foram homenageados a delegada da DDM, Olívia dos Santos Fonseca (que presidiu o inquérito), e Américo Sidnei Rissato, delegado do Deinter 9. Esses não puderam comparecer na entrega da moção.

DOAÇÃO DE ÁREA PARA SEDE DA DDM É APROVADA — A DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) está próxima de ter a sua sede própria. O Projeto de Lei 95/2022 foi aprovado na noite desta segunda-feira (16) durante a 18ª reunião ordinária.

Localizado no cruzamento da avenida Professor Alberto Vollet Sachs com a rua Santa Catarina, no bairro Nova América, o terreno de 1.550,38 m² é institucional e poderá abrigar a nova sede da DDM. O texto já foi aprovado em 1º turno e, agora, depende de mais uma aprovação. Em seguida, é encaminhado para sanção do prefeito Luciano Almeida.

Atualmente, a DDM está instalada em um prédio alugado na rua Alferes José Caetano, área central de Piracicaba.

Rafael Fioravanti | [email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

6 + 8 =