Polícia Militar Ambiental flagra pesca em local proibido

Autores foram multados em R$ 3.003,40 (Divulgação)

Três homens foram flagrados realizando pesca em local proibido durante a Operação Servir e Proteger, realizada no último sábado (6). Eles foram multados em R$ 1.000 com acréscimo de R$ 3.40, cujo autores tinham em suas posses 170 gramas de pescado, totalizando R$ 3.003,40, em autuações aplicadas, no total. Segundo a polícia, os homens estavam às margens do Rio Piracicaba, próximo a avenida Cruzeiro do Sul. Eles estavam usado caniço simples com molinete e vara de de nylon.

Os suspeitos também responderão por crime ambiental. Quanto aos petrechos utilizados para o cometimento da infração foram apreendidos e os pescado devolvidos em seu habitat natural.

PIRACEMA
A Polícia Militar Ambiental encerrou a Operação Piracema com R$ 68.376,60 em multas e 44 autos de infração ambiental. Foram realizados 21 flagrantes de degradação ambiental contra a fauna ictiologia (ramo da zoologia devotado ao estudo dos peixes) e apreendidos 115 metros de redes. As atividades foram realizadas pelo 3º Pelotão da corporação, sediada em Rio Claro e atua em 16 municípios da região de Piracicaba, e abrange importantes rios como o Piracicaba – considerado um dos maiores berçários de peixes de água doce do Estado.

LEIA MAIS

Cristiani Azanha
[email protected]

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dois + 14 =