Material estava com suspeitos presos pela Polícia Civil de Piracicaba (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil desencadeou a Operação “Benvindo”, que desarticulou suspeitos de roubar mais de R$ 13 mil de um posto de combustíveis de Piracicaba, em agosto de 2019. Dois irmãos foram presos em Sumaré, na manhã da segunda-feira (23 de março). Um deles, que era funcionário de um dos estabelecimentos e o responsável em fazer as escoltas de dinheiro, avisava os comparsas sobre a movimentação de dinheiro. Outro suspeito foi abordado, em Monte Mor. Com os suspeitos, foram apreendidos um revólver calibre 38, uma caixa de munição calibre 38, celular, motocicleta, camisa listrada, tênis e R$ 2.950 em dinheiro. A ação foi realizada pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais), com apoio da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) e GOE (Grupo de Operações Especiais de Polícia), todos de Piracicaba. Os três suspeitos foram encaminhados para a sede da DIG e responderão pelas acusações de roubo e posse ilegal de arma e munições. Eles ficaram na carceragem anexa ao 1º Distrito Policial de Piracicaba, onde ficaram até serem apresentados às respectivas audiências de custódia.

Por volta das 6h30 da segunda, os policiais foram até as residências de três suspeitos em roubo em um posto de combustíveis em Piracicaba, em agosto de 2019. Os policiais da DIG apuraram que os suspeitos utilizaram de arma de fogo, subtraíram aproximadamente R$ 13 mil em dinheiro. Os investigadores constataram que os três indivíduos são da mesma família, sendo dois irmãos da cidade de Sumaré e um primo destes, residente na cidade de Monte Mor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

5 × cinco =