Policiais civis são incorporados à Deic de Piracicaba

Efetivo terá livre atuação nos 52 municípios atendidos pelo Deinter-9 (Claudinho Coradini/JP)

Os policiais civis que faziam parte da DIG/Dise (Delegacia de Investigações Gerais e Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), além do GOE (Grupo de Operações Especiais) foram incorporados ao Deinter-9 (Departamento de Polícia Judiciária) de Piracicaba. A partir de agora, eles passam a fazer parte da Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais). O decreto foi publicado recentemente no Diário Oficial.

O diretor do Deinter-9, Kléber Antonio Torquato Altale disse que, por enquanto, os policiais permanecerão no mesmo prédio, onde atualmente funcionam as delegacias especializadas até que sejam remanejados para outro imóvel, que será locado. A divisão também passará a contar com a Delegacia de Homicídios. A nova unidade, que ainda não tem data para inauguração.




“Por enquanto, os policiais continuarão a atuar nos trabalhos que estão sendo investigados na região, além do apoio para outros unidades”, comentou o diretor.

Os policiais que fazem parte da Deic terão livre atuação nos 52 municípios atendidos pelo Deinter-9.

Altale explicou que a UIP (Unidade de Inteligência) continuará a ser subordinada pelo departamento.

“A concentração de vários setores da Polícia Civil na mesma unidade vai aprimorar a investigação de maneira dinamizada e organizada”, afirmou Altale.

As Deics em tese, devem contam, com a assistência policial; delegacias especializadas com três equipes de investigações cada, Seccold (Setor Especializado de Combate aos Crimes de Corrupção, Crime Organizado e Lavagem de Dinheiro (SECCOLD), Delegacia de Homicídio, GOE (Grupo de Operações Especiais).

A divisão tem por finalidade o exercício das atividades de polícia judiciária na apuração dos delito. Cabe à Deic, ainda, planejar e executar ações estratégicas de repressão ao crime organizado, no Estado de São Paulo. As alterações, para a implantação da Deic, foram realizadas somente nos dez Deinters do Estado (sediados em Piracicaba, Araçatuba, Bauru, Campinas, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba, além de Presidente Prudente. Nas demais cidades, que são sedes de delegacias seccionais, as especializadas continuarão em atuação normalmente.

Cristiani Azanha

[email protected]