Policiais de Piracicaba participam de operação regional contra crime organizado

Equipes cumpriram mandados em 6 cidades da região (Divulgação)

Policiais civis e militares de Piracicaba fecharam o cerco contra o crime organizado. As equipes participaram da operação “Sintonia”, realizada nas cidades de Santa Gertrudes, Rio Claro, Cordeirópolis, Limeira, Araras e Charqueada, na manhã desta quarta-feira (10). Drogas e dinheiro foram apreendidos. Foram cumpridos 46 mandados de buscas e apreensões, que resultaram duas prisões em flagrantes de tráfico de drogas, um ato infracional por posse de arma de fogo, porte de droga, oito foragidos da Justiça recapturados, e nove apreensões de adolescentes.

Participaram da operação, os policiais civis da UIP (Unidade de Inteligência Policial) e Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais) do Deinter-9 (Departamento de Polícia Judiciária do Interior), policiais militares do 10º BPM/I (Batalhão da Polícia Militar do Interior) e 10o Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia).

Uma das abordagens realizada pela Polícia Civil da Seccional de Limeira, com o apoio do Baep, ocorreu no bairro Indaiá, em Santa Gertrudes. Um homem foi abordado no interior do imóvel. No local, os policiais apreenderam dois tabletes de maconha, a quantia de R$ 241,00 e anotações de contabilidade do tráfico de drogas, e ao lado da cama do suspeito, os policiais teriam encontrado mais um celular da marca Samsung. O suspeito teria assumido toda propriedade dos objetos encontrados.

Em outro endereço na mesma cidade, o morador do imóvel teria resistido em abrir a porta aos policiais do Baep. Após entrarem na casa, os policiais teriam apreendido um tijolo de maconha com mais de um quilo, na casa de um homem que já tinha mandado de prisão temporária decretada pela Justiça, devido ao envolvimento em outro crime. O suspeito também foi autuado em flagrante sob acusação de tráfico de drogas.

Já em Rio Claro, no Jardim das Nações 2, os policiais do 10º Baep prenderam um foragido da Justiça, localizaram três aparelhos celulares, R$ 5.040,00 em dinheiro, um coldre, comprovantes de depósitos bancários, e anotações diversas.

Cristiani Azanha

[email protected]

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

2 × quatro =