Circuito Inclusivo nasceu com base em um dos princípios da Economia Criativa, a inclusão social. (Foto: Oscar Bigaram)

Informações sobre os principais pontos turísticos de Piracicaba serão apresentadas com interpretação em Libras (Língua Brasileira de Sinais), gratuitamente, em uma caminhada de cerca de 1 km, no dia 16 de novembro (sábado), a partir das 15h. O ponto de encontro é o Museu da Água. A atividade, denominada “CáxaraLab Circuito Inclusivo, uma Caminhada de Aprendizagem”, é aberta a todos os interessados e integra o 1º CáxaraLab Festival de Economia Criativa, que ocorre no município entre os dias 14 e 23 de Novembro. A programação completa, composta por oficinas, rodas de conversa, entre outras ações, está disponível em www.caxaralab.com.br. Em caso de chuva, a caminhada fica suspensa.

O trajeto do Circuito Inclusivo acontece às margens do rio Piracicaba, com duração prevista de no máximo duas horas. Após o Museu da Água, os participantes serão direcionados para a passarela pênsil e Engenho Central. Na sequência, a caminhada continua rumo à Casa do Povoador, com finalização no largo dos Pescadores. Informações sobre estes principais pontos turísticos do município serão passadas pela educanda de guia de turismo e jornalista Sabrina Franzol. A interpretação em Libras será feita por Andréia Scherer, intérprete de Libras há seis anos, atuando, principalmente, na área educacional.

De acordo com Sabrina, o Circuito Inclusivo nasceu com base em um dos princípios norteadores da Economia Criativa, a inclusão social. “O turismo é algo mágico, que diverte e, ao mesmo tempo, ensina e provoca reflexões, portanto, todos, sem exceção, devem ter a possibilidade de ‘turistar’. E turismo não significa apenas viagens longas ou ao exterior. Um breve passeio em um local desconhecido é fazer turismo e isso pode proporcionar inúmeros aprendizados”, explica a idealizadora da atividade.

Ela comentou, ainda, que a intenção é que os participantes, em contato com os patrimônios da cidade, percebam a importância de cada local e o quanto a preservação deles é de responsabilidade da sociedade toda. “O cuidado com aquilo que faz parte da nossa história é essencial para que ela, a história, não se perca”, afirma.

SERVIÇO

CáxaraLab Circuito Inclusivo, uma Caminhada de Aprendizagem. Sábado (16), às 15h, no Museu da Água (avenida Beira Rio, 448). Atividade com interpretação em Libras. Gratuita. Informações: (19) 98117-5710 (WhatsApp).

Da Redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

vinte − doze =