Prefeitura ameaça cancelar convênio com Hospital Ilumina

Foto: Alessandro Maschio/JP

Secretaria Municipal de Saúde informou ontem que aguarda prestação de contas da instituição

A polêmica envolvendo a Prefeitura de Piracicaba e o Hospital Ilumina, que atua na prevenção precoce de câncer, ganhou um novo capítulo. Agora, a administração municipal cobra a prestação de contas da instituição e ameaça não renovar o convênio, que vence amanhã. Ontem, a Secretaria de Saúde informou em nota que ‘o contrato com a Policlínica Ilumina está vigente até o dia 31 de outubro. Após essa data, a pasta aguarda o recebimento da prestação de contas pela instituição, e só então decidirá sobre a continuidade do convênio em questão’.

No início do mês, sem dinheiro em caixa para pagar salários atrasados há dois meses, dos 101 funcionários, a direção do hospital anunciou a suspensão do atendimento por tempo indeterminado.

Na ocasião, foi lançada uma campanha para arrecadação de recursos junto à sociedade e, sete dias depois, o hospital reabriu as portas e voltou com atendimento parcial, apos a campanha arrecadar R$ 91 mil.

O Hospital Ilumina foi procurado ontem para comentar sobre a declaração da prefeitura sobre o convênio, mas até o fechamento desta matéria, não houve retorno.

Beto Silva
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

cinco × dois =