Prefeitura conclui regularização fundiária do Tatuapé e entregará as matrículas para 446 famílias

Foto: Amanda Vieira/JP

Ocupação informal da área de 106,5 mil m² teve início em 1988 e, após a urbanização, o bairro foi legalizado

A Prefeitura de Piracicaba, por meio da Empresa Municipal de Desenvolvimento Habitacional de Piracicaba (Emdhap), concluiu o processo de regularização fundiária do bairro Tatuapé. Dessa forma, as 446 famílias que residem no bairro receberão as matrículas de seus imóveis.

A ocupação informal da área de 106,5 mil m² teve início em 1988 e, após a urbanização do local, com a instalação de rede de água e esgoto, iluminação, pavimentação, de equipamentos de lazer, saúde e educação, entre outras melhorias para as famílias, e com a finalização do processo de regularização fundiária o bairro foi legalizado.

“É um momento muito importante para as famílias do Tatuapé, para a Prefeitura e, também, para a Emdhap. O trabalho de regularização fundiária é longo e complexo, mas necessário para dar segurança às famílias. A moradia, assim como a saúde, a educação e a segurança, é essencial para a dignidade de qualquer cidadão. A Prefeitura, por meio da Emdhap, trabalha com afinco em outros processos de regularização fundiária de núcleos informais de interesse social, que atendam os requistos legais, que beneficiarão milhares de famílias”, ressalta Sérgio Maluf Chaim, presidente da Emdhap.

EM ANDAMENTO – Segundo a Emdhap, outros núcleos de interesse social estão em processo avançado de regularização fundiária. São eles: Algodoal (5ª parte), IAA Bananal, Maria Cláudia, Maria Helena, Nossa Senhora Aparecida, Parque Orlanda, Taiguara, Guamium II. Estes processos beneficiarão mais 911 famílias.

Da Redação

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dezessete + 15 =