Procon-SP encaminha ofício ao Banco Central

Foto: Divulgação

O Procon-SP encaminhou, nesta segunda-feira (24), um ofício ao Banco Central do Brasil pedindo esclarecimentos a respeito de um vazamento de mais de 160 mil chaves Pix que estavam sob a guarda da empresa Acesso Soluções de Pagamento S.A. A informação consta de comunicado público divulgado no site da instituição.

Com o objetivo de proteger os consumidores usuários do sistema de pagamento Pix, o órgão de defesa pede que o BC esclareça qual a relação jurídica que mantem com a empresa Acesso; quantos usuários no Estado de São Paulo foram afetados pelo vazamento; se foram informados individualmente sobre o problema e como essa informação foi (ou será) disponibilizada.

Prejuízo aos usuários — O Procon-SP pergunta se a utilização indevida dos dados vazados pode trazer prejuízo aos usuários; se já há registro ou relato de prejuízos sofridos em razão do ocorrido; como um usuário que for vítima de algum prejuízo deve proceder; e se quem teve os dados vazados deve adotar alguma providência imediata junto ao BC ou a sua instituição financeira.

Informações sobre um plano de ação que o BC adotou — ou irá adotar — para evitar a utilização indevida dos dados vazados também foram solicitadas.

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

5 × 3 =