Projeto Pernas Caipiras promove a inclusão social

Ação promovida pelo Pernas Caipiras movimenta voluntários e pessoas com deficiência física - Imagem/divulgação.

Pernas, pra que te quero? Te quero para participar do Projeto Pernas Caipiras, que nasceu com Edmilson Reame no ano de 2018, quando ele participou de uma das edições da Corrida da Inclusão, em Campinas. Naquela oportunidade, ele teve a chance de conduzir pessoas com deficiências em triciclos adaptados.

A experiência mudou a sua vida para sempre e Edmilson resolveu naquele instante, que traria a iniciativa para Piracicaba. Após várias tentativas em concretizar o plano, passou a contar com o apoio do amigo Vitor Montebello e juntos, começaram a divulgar a ideia nos canais de mídias digitais.

Em pouco tempo, a iniciativa ganhou novos seguidores e o apoio digital transformou-se em voluntários, que se juntaram e conseguiram os primeiros triciclos. Os pares de pernas caipiras foram se multiplicando até o lançamento oficial do Projeto “Pernas Caipiras”, que nasceu no dia 9 de fevereiro de 2020.

O “Pernas Caipiras” passou a ser a ONG (Organização Não Governamental Pernas Caipiras), em 9 de fevereiro de 2021 e, atualmente, conta com um grupo de pessoas que acreditam no ideal de promover a conscientização e a importância da inclusão de pessoas com deficiências em todas as esferas da sociedade.

Antes da pandemia, a ONG promoveu a Corrida Vikings, no bairro Monte Alegre e por meio de parceria com a diretoria do Esporte Clube XV de Novembro, entrou com os seus triciclos no Estádio do Barão, acompanhando os jogadores antes da partida do XV.

Apesar das limitações causadas pela pandemia de coronavírus, a ONG promove “lives” com atletas paralímpicos e profissionais da área para discutir a inclusão no Brasil. O Pernas Caipiras promove campanhas de arrecadações de alimentos, fraudas, produtos de higiene, agasalhos e de brinquedos.

Edilson Morais

[email protected]

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dez − 4 =