Palmeiras tenta chegar a semifinal pelo sétimo ano seguido (CRÉDITO: Cesar Greco/Palmeiras)

As quartas de final do Campeonato Paulista Série A1 começam nesta quarta-feira (29), com dois jogos na capital. O primeiro que entra em campo é o São Paulo, que enfrenta o Mirassol, às 19h, no Estádio do Morumbi. Logo em seguida, o Palmeiras joga no Allianz Parque, às 21h30, diante do Santo André. Os vencedores das partidas se classificam para as semifinais, sendo que caso algum jogo termine empatado, o classificado será conhecido por meio da disputa por pênaltis.

Líder do Grupo C e classificado antes da pandemia, o São Paulo entra como favorito diante do Mirassol, porém, mesmo com a vitória na partida diante do Guarani, o Tricolor entrará pressionado por sua torcida, já que a equipe não vence o torneio estadual há 15 anos e o último triunfo ajudou na classificação do rival Corinthians, fato que não foi bem-aceito por parte da torcida, que queria que a equipe entregasse o jogo para desclassificar o rival.

O Mirassol vinha bem na temporada até a parada em razão da pandemia. Nos meses sem jogos, o leão da Alta Araraquarense perdeu cerca de 75% do elenco, dando a difícil missão para o técnico Ricardo Catalá se virar com quem ficou. Na volta da competição, o Mirassol ainda não venceu.

Desde 2011, quando o Paulistão voltou a ser disputado com quartas de final, o São Paulo é um dos times que sempre se classificaram para esta fase, avançando sete vezes e sendo eliminado apenas em 2014 (para a Penapolense) e em 2016 (para o Audax, sendo que o técnico na época do clube de Osasco era Fernando Diniz, atual comandante do Tricolor). O Mirassol disputou as quartas apenas em 2011, quando foi eliminado pelo Palmeiras.

O último jogo entre eles com mando de campo do São Paulo foi no Paulistão do ano passado, quando o São Paulo venceu por 4 a 1, em partida disputada no Pacaembu, com gols de Anderson Martins, Pablo, Reinaldo e Hudson, com Bruno Peres (contra) marcando para o rival. A última vez em que o Mirassol não saiu derrotado como visitante foi em 2017, quando empatou em 2 a 2, gols de Raphael Lucas e Xuxa, com Pratto e Rodrigo Caio marcando para os mandantes.

No Allianz Parque, Palmeiras e Santo André fazem o único confronto em que as duas equipes somaram pelo menos 20 pontos (22 do Verdão e 20 do Ramalhão). Mesmo com a segunda melhor campanha (a melhor entre os grandes) o Palmeiras tem a missão de vencer e convencer contra o Santo André. Na volta da pandemia, o Verdão perdeu para o Corinthians e venceu sem brilho o Água Santa, além achar um substituto para Dudu, o melhor jogador da equipe, que foi negociado com o Al Duhail, do Catar.

O Ramalhão, líder antes da pandemia, também sofreu nesta reta final, já que perdeu quatro jogadores na parada, entre eles o atacante Ronaldo (ex-XV), artilheiro da equipe que foi pro Sport. A equipe também teve que atuar fora de sua casa, já que o Estádio Bruno José Daniel, está sendo usado como Hospital de Campanha contra a covid-19.

Desde a reinstauração das quartas de final há nove anos, o Palmeiras também participou desta fase em todas as edições, deixando de avançar para a semifinal apenas em 2012 e 2013, quando foi derrotado por Guarani e Santos, respectivamente. Se vencer, o Verdão disputará sua sétima semifinal de Paulista consecutiva, a maior sequência atual entre todas as equipes. A última vez em que o Santo André chegou na fase final foi em 2010, um ano antes da volta das quartas de final, em que os times se classificavam direto para a semifinal. O Ramalhão eliminou o Barueri e quase foi campeão, sendo derrotado pelo Santos de Neymar.

O último jogo entre as equipes na capital foi em 2018, e o Verdão venceu por 3 a 1, gols de Willian, Lucas Lima e Keno, com João Lucas marcando para os visitantes. A última vitória da equipe do ABC como visitante foi em 2010, quando venceu por 3 a 1 no antigo Palestra Itália, com gols de Nunes e Rodriguinho (duas vezes), com Robert marcando para o Verdão.

Mauro Adamoli

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 + 13 =