Reflexão fotográfica: Um novo normal

Foto:Claudinho Coradini/JP

Na estréia do quadro “Reflexão fotográfica”, a Psicanalista e Terapeuta floral de Bach, Beatriz Setto Godoy ilustra a imagem de um belo pôr do sol na região leste da cidade. Foto Claudinho Coradini/JP

Retorno a normalidade: sim ou não?

Com a pandemia fomos obrigados a desacelerar, permancendo em casa, longe do trabalho e dos amigos.
Com isso, tivemos muitos reflexos positivos em nosso planeta, como a redução dos níveis de poluição, o reaparecimento de animais silvestres, afugentados pela ação do homem, que agora recuperaram seu habitat natural, bem mais saudável e belo, retratado nas lindas paisagens, no céu limpo e no ar mais puro.
Então devemos nos questionar.

Será que a normalidade realmente era boa?
Antes não havia tempo para a família, em virtude dos compromissos e o trabalho excessivo, os níveis de poluição estavam altíssimos, provocando sérios danos à saúde dos seres vivos. Portanto,
que possamos usar esse tempo de quarentena para nos reinventar, avaliando a vida e nossas prioridades, para que ao final de tudo, quando passar, possamos criar um novo normal.

E que este novo normal, com foco na família, qualidade de vida, respeito ao próximo e cuidados com a natureza, possa ser bem melhor que antes.

Por Beatriz Setto Godoy
Psicanalista e Terapeuta floral de Bach
@beatriz.settogodoy