Santa Casa realiza exames gratuitos para hepatite e câncer de fígado

Atendimento ao público acontece dia 20, das 8h às 16, no Cecan; 500 senhas serão distribuídas no dia. (Foto: Divulgação)

O Cecan (Centro do Câncer) da Santa Casa de Piracicaba retoma o programa Sábado Sem Câncer, disponibilizando exames gratuitos à população no próximo dia 20 de março, para detecção e tratamento do câncer de fígado e das hepatites B e C. O evento conta com apoio da Prefeitura de Piracicaba. O objetivo é alertar a população para a alta incidência e agressividade da doença e conscientizar para a necessidade de prevenção e tratamento do tumor em seu estágio inicial, quando o índice de cura é de até 90%, eliminando a possibilidade de um transplante hepático.

O atendimento ao público ocorrerá no período das 8 às 16 horas nas dependências da Unidade, localizada na Santa Casa, à avenida Independência, 953, onde 500 senhas serão distribuídas mediante ordem de chegada. Não há necessidade de agendamento dos exames e os participantes podem doar 1kg de alimento não perecível ou um pacote de fralda geriátrica.

Embora qualquer pessoa possa participar, o grupo de maior risco para a doença engloba pessoas com idade entre 45 e 65 anos; principalmente quem sofreu transfusão de sangue, fez uso de seringas de vidro, teve ou tem doenças hepáticas e cirrose e os portadores das hepatites B ou C.

Isso porque o câncer de fígado é uma doença silenciosa que leva de dez a vinte anos para se manifestar; então quem apresentar a doença hoje, provavelmente iniciou o processo de adoecimento há décadas atrás, quando os exames de sangue antes das transfusões ainda não faziam parte do protocolo de segurança, nem se tinha o tratamento para a hepatite.

“Estamos preparados para receber os participantes de mais esta Campanha, respeitando-se todas as normativas de segurança e distanciamento para que o processo transcorra com o mais alto nível de conforto e segurança”, disse o médico oncologista e diretor do Cecan, Fernando Medina.

Ao lado do provedor da Santa Casa, João Orlando Pavão; do diretor executivo do COC (Centro de Oncologia Campinas), Antônio Amaro; e da gestora do Cecan, Andréia Klefenz; Medina recebeu o apoio do Executivo quando foi recebido pelo prefeito de Piracicaba, Luciano Almeida (DEM), juntamente com o secretário municipal de Saúde Filemon de Lima Silvano, e com o diretor da Cevisa (Centro de Vigilância em Saúde), Moisés Taglieta.

O apoio, segundo o prefeito, deve-se ao perfil preventivo da iniciativa. “Nossa meta é focar na prevenção, a exemplo do que propõe o Sábado Sem Câncer”, disse o prefeito. Ele revela que, com apoio também da DRS-10 (Departamento Regional de Saúde), a prefeitura auxiliará fornecendo os testes rápidos para exames de sangue, bem como a sorologia para elucidação diagnóstica dos casos considerados suspeitos.

MAIS DE 50 PROFISSIONAIS

O processo de atendimento ao público promete ser rápido e dinâmico nas amplas instalações do Cecan e contará com a atuação de mais de 50 profissionais, entre médicos, enfermeiros e equipes de apoio devidamente paramentados. Os participantes passarão por uma consulta inicial para definição do histórico genético e familiar para a doença. Pessoas com o vírus da hepatite ou casos da doença na família, serão submetidas a ultrassom abdominal e biópsias.

Da Redação

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

2 × 1 =