São Paulo acerta o retorno do zagueiro Miranda

Miranda sempre foi titular e tem mais de 200 jogos pelo São Paulo CRÉDITO: Divulgação/São Paulo FC

O bom filho a casa torna. O São Paulo anunciou a contratação, na última quarta-feira (17), do zagueiro Miranda como o novo reforço do clube. O jogador, de 36 anos, assinou contrato até 31 de dezembro do ano que vem. Ele já passou pelos exames médicos e está integrado ao elenco do Tricolor Paulista no Centro de Treinamento da Barra Funda. “A história continua: Miranda está de volta ao tricolor”, disse o São Paulo, por meio de Twitter.

A volta do atleta também foi comemorada pelos torcedores nas redes sociais: “Acho que agrega muito, é um jogador vitorioso, com histórico vencedor, de seleção, vamos ver em campo como vai se sair, bem-vindo Miranda”, escreveu um torcedor. “Um dos maiores zagueiros que honraram nosso manto sagrado. Está junto de Mauro Roberto Dias, Dario Pereya, Oscar e Válber”, escreveu outro fanático pelo Tricolor.

Nascido em Paranavaí, no Paraná, Miranda começou a carreira nas categorias de base do Coritiba-PR e se destacou durante a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2004, no qual foi semifinalista. Promovido ao elenco profissional, foi campeão estadual logo no início de sua trajetória.

As atuações do jovem zagueiro despertaram o interesse do Sochaux, da França, que o contratou em 2005. No meio do ano seguinte, ele voltou ao Brasil com um enorme desafio pela frente: substituir o ídolo Lugano, que deixara o Morumbi.

Sob o comando de Muricy Ramalho, Miranda transformou-se em um dos grandes ídolos do São Paulo nos últimos anos. A tarefa que parecia difícil se tornou fácil. Ele jogou 260 partidas pelo clube, sempre como titular, e fez história com o tricampeonato do Campeonato Brasileiro em 2006, 2007 e 2008.

Além das conquistas, o zagueiro também acumulou prêmios individuais que deram ainda mais peso ao seu currículo, sendo eleito diversas vezes o melhor defensor do Campeonato Brasileiro no período em que atuou no Morumbi, além de acumular convocações para a Seleção Brasileira.

Em 2011, após seis temporadas no clube, o jogador se transferiu para o Atlético de Madrid. Ao lado de Juanfran, que recentemente atuou no São Paulo, fez parte de uma das gerações mais vitoriosas do clube espanhol, com a conquista do campeonato espanhol (2013/14) e da Copa do Rei (2012/13), além de disputar a final da Liga dos Campeões da Europa.

De lá, seguiu para a Internazionale de Milão, onde atuou de 2015 a 2019. Neste período, teve a oportunidade de disputar a Copa do Mundo de 2018 pela Seleção Brasileira, na Rússia. Nas duas últimas temporadas, Miranda defendeu o Jiangsu Suning, da China, e foi campeão chinês (2020) antes de retornar ao Tricolor.

Entre os principais prêmios individuais conquistados pelo zagueiro se destacam a: Bola de Prata (2008 e 2009), Troféu Armando Nogueira – Melhor Zagueiro do Campeonato Brasileiro (2009), Craque do Brasileirão – Melhor Zagueiro (2007, 2008, 2009 e 2010), Seleção do Campeonato Brasileiro (2007, 2008, 2009 e 2010), Onze ideal de Sul-Americanos na Europa (2013/14) pelo Jornal MARCA, Seleção do Campeonato Espanhol (2013/14), Top 3 – Melhor defensor da Espanha e da Liga Espanhola (2014) e segundo lugar no Troféu Samba de Ouro (2014).

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

9 + doze =