São paulo almeja nova vitória contra o Goiás no Morumbi

A Cambalhota do Profeta: cena comum nos gols do volante (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

O São Paulo enfrenta o Goiás hoje, às 21h30, no Estádio do Morumbi, em São Paulo, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019. O Tricolor é o 6º colocado, com 35 pontos e vem de vitória sobre o Botafogo por 2 a 1 e voltou a vencer após quatro partidas. O Esmeraldino, que também estava em um período de seca, derrotou o Fluminense por 3 a 0, subiu para o 12º lugar, com 24 pontos e abriu seis da zona de rebaixamento.

Autor de um dos gols sobre o Botafogo, o meio-campista Hernanes, capitão da equipe, já que além de voltar a atuar bem, o atleta se tornou o maior artilheiro da equipe no século 21 entre os jogadores que jogam no meio-campo, com 52 gols, ultrapassando Kaká, que em duas passagens marcou 51. Em relação a média de jogos, o “Profeta” fica bem atrás, já que precisou de 270 para atingir a marca (0,19 por jogo), contra 155 jogos (0,32 por jogo) do melhor jogador do mundo em 2007. Juntando todas as posições, Hernanes é o 6º, atrás de Luís Fabiano (212), Rogério Ceni (112), França (69), Dagoberto (61) e Borges (54).

Além de vencer bem o Fluminense na última partida, o atacante Kaio, que entrou no segundo tempo e mesmo com apenas 18 minutos em campo (sem contar os acréscimos) deu a assistência para o terceiro gol. O atleta falou sobre esse momento “meteórico” não apenas no Esmeraldino, mas em sua vida. “Costumo dizer nos clubes em que passei que tudo aconteceu muito rápido na minha vida. Há três anos eu nem jogava no profissional e hoje estou aqui no Goiás, que é uma grande equipe. Está sendo um sonho pra mim”, disse o atacante.

No primeiro turno, o tricolor venceu por 2 a 1, gols de Alexandre pato, e Toró, com Barcía marcando o tento de honra esmeraldino. O último jogo entre as equipes no Morumbi foi no Brasileirão 2015 e terminou com vitória por 3 a 0 do Goiás, com gols de Felipe Menezes e Erik (duas vezes). A última vitória dos paulistas como mandante no confronto foi no Brasileiro de 2014, e o jogo terminou novamente em 3 a 0, agora a favor do tricolor, com gols de Édson Silva, Luís Fabiano e Alan Kardec.

Mauro Adamoli