São Paulo enfrenta o Binacional-PER e a altitude de Juliaca

São Paulo de Pato está em um bom momento (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Tricampeão da América, o São Paulo inicia a busca pela sua quarta Libertadores hoje, às 21h, diante do Binacional-PER, no Estádio Guillermo Briceño Rosamedina, na cidade de Juliaca, no Peru. O Tricolor chega embalado pela boa campanha no Paulistão, em que lidera seu grupo com 15 pontos.

Além de enfrentar o atual campeão peruano, o São Paulo jogará em uma altitude de 3.825m acima do nível do mar. O volante Tchê Tchê reconhece a dificuldade do confronto, mas pede que o Tricolor supere mais este obstáculo para começar a Libertadores com o pé direito. “Dei uma pesquisada no Google, e é uma das maiores altitudes que tem. Então, temos duas alternativas: dar desculpa ou ser melhor do que a altitude. Acredito que será um jogo difícil, e por isso temos que entrar ligados. É preciso ter cautela nas ações dentro de campo”, disse o meio-campista. A partida será histórica para o São Paulo, já que será a maior altitude em que a equipe atuará em sua história, superando Oruro-BOL (3.735m), La Paz-BOL (3.640m) e Cusco-PER (3.399m).




Fundado em 2010, o Binacional é a equipe mais jovem da Libertadores, e uma das duas equipes na atual competição criada no século 21 (o Cerro Largo-URU é de 2002). Os peruanos tiveram uma ascensão meteórica no futebol peruano, chegando a elite após oito anos de fundação e conquistando o título logo no segundo ano em que disputa a competição. No fim de semana, a equipe empatou com o Carlos Stein por 1 a 1, e é o atual terceiro colocado m sua liga nacional.

A última visita do São Paulo ao Peru foi na Libertadores de 2016, quando enfrentou o Universidad César Vallejo, pela fase preliminar. A partida no país andino foi disputada em Trujillo, e o Tricolor, que se classificaria no confronto, empatou por 1 a 1, com gol de Calleri, enquanto Hohberg marcou para os peruanos.

RODADA DE QUARTA

A rodada de quarta-feira (4), contou com mais duas vitórias de equipes brasileiras. O Palmeiras viajou até Victoria, na Argentina, e derrotou o Tigre-ARG por 2 a 0, gols de Luiz Adriano e Willian. Em Barranquilla, na Colômbia, o atual campeão Flamengo venceu o Junior-COL por 2 a 1, dois gols de Éverton Ribeiro.

Mauro Adamoli