Semae cadastra 600 famílias na Tarifa Residencial Social

Famílias de baixa renda podem se cadastrar no Semae. (Crédito: Claudinho Coradini/JP)

O programa Tarifa Residencial Social cadastrou, de 1º de novembro de 2019 a 10 de fevereiro deste ano, 600 famílias. As que tiverem cadastro aprovado terão, a partir do dia 1º de março, 50% de desconto na tarifa de água – para quem consome até 10m³ ao mês, e 25% – para consumo entre 11m³ e 20m³.


A Tarifa Residencial Social é destinada às famílias de baixa renda, conforme resoluções da Agência Reguladora ARES-PCJ nº 251 e 263/2018, e é realizada em parceria com a SMADS – (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social).





Para ter o benefício é preciso estar inserido no Cadastro Único (CadÚnico), bem como possuir renda per capita de até meio salário-mínimo. A ligação de água deve estar ativa e o titular deve ser o responsável familiar.


Para facilitar o cadastramento, o Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto) e a SMADS realizaram quatro mutirões de atendimento, sempre aos sábados, nos Cras Jardim São Paulo, Vila Sônia e Mario Dedini e no Condomínio Vida Nova. Ao todo, mais de 150 cadastros foram realizados nas quatro oportunidades.

CADASTRAMENTO
Não há data limite para os interessados se cadastrarem; para aqueles que realizaram o cadastro até 31 de janeiro, o desconto se iniciará em março. Os demais, terão o desconto no mês subsequente à aprovação feita pelo Semae.


Os interessados devem comparecer a um dos postos de atendimento do Semae com documentos pessoais, RG, CNH ou Carteira de Trabalho mais a Folha Resumo do CAdÚnico, que deverá ser retirado nos Centros de Assistência Social (Cras) ou na Central do Cadastro Único. O Semae conta com cinco pontos na cidade que funcionam das 8h as 16h, de segunda à sexta-feira. O Poupatempo tem expediente das 8h30 às 13h e de 14h às 16h30. Os locais não funcionam nos feriados e datas de pontos facultativos. Informações pela Central de Atendimento no 0800-772-9611 ou 115 (24 horas).

Da Redação