Sindicato dos metalúrgicos inaugura posto do INSS Digital

Apresentação do novo posto ocorreu na manhã de terça-feira (18). (Crédito: Claudinho Coradini/JP)

Piracicaba contará a partir de 27 de fevereiro com um Posto de Atendimento do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) Digital. O serviço será fornecido gratuitamente a toda a população na sede do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Piracicaba e Região (rua Prudente de Moraes, 914), no centro.


O agendamento do serviço deve ser feito pelo telefone (19) 3417-8140. Os serviços disponibilizados são aqueles que não requerem perícia médica, como aposentadoria por idade ou tempo de contribuição, salário-maternidade, revisão de benefício, entre outros.


Inaugurado na manhã da última terça-feira (18), o Posto do INSS Digital em Piracicaba é uma parceria do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos com o Sindnapi (Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos). A cerimônia contou com a presença de representantes sindicais e de associações de classe, além do vice-prefeito José Antônio de Godoy (PSDB), e do presidente da Câmara dos Vereadores, Gilmar Rotta (MDB).


“O Sindnapi iniciou e a gente buscou essa parceria. Hoje a gente tem alguns sindicatos da nossa federação que também já estão trabalhando com isso. Esse momento é também do Conselho das Entidades Sindicais de Piracicaba, que são 23 sindicatos”, comenta Wagner da Silveira, o Juca, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos.


O objetivo do posto é a agilidade no atendimento, que durará, em média, 20 minutos mediante agendamento prévio. O horário de funcionamento será das 8h às 12h e das 14h às 17h, durante os dias de semana. Os documentos necessários para cada tipo de atendimento estão disponíveis no site do INSS ou pelo telefone do sincidato (19) 3417-8140.


Ao final, o usuário recebe um protocolo e poderá fazer o acompanhamento da requisição no site do INSS, no campo “Meu INSS” (https://www.inss.gov.br/servicos-do-inss/meu-inss/) ou no próprio Posto de Atendimento Digital, no sindicato.


Por lei, o prazo para o INSS analisar os pedidos é de até 45 dias. Porém, desde o ano passado, principalmente devido ao aumento da procura por benefícios com a aprovação da Reforma da Previdência, os usuários têm enfrentado filas cada vez maiores. Aqueles que ficarem na fila acima do prazo da lei receberão o valor do benefício corrigido referente ao tempo de espera.

Andressa Mota

[email protected]