Situação da Hermínio Petrin motiva reclamações

Acidentes são constantes, dizem moradores, (Alessandro Maschio/JP)

Nos últimos dois dias, dois acidentes graves ocorreram na rodovia Hermínio Petrin (SP-308), na mesma região. Além do acidente envolvendo o auxiliar de produção Marcelo Alves de Souza, 32 anos, na noite anterior, ocorreu outra colisão, entre um caminhão e um Ford Escort. O motorista do carro ficou preso nas ferragens. Ele foi socorrido pelos bombeiros. O condutor do caminhão também ficou ferido.

A auxiliar administrativo Camila Goldschmidt, que mora no Algodoal, disse acidentes ocorrem com frequência, no trecho da rodovia, próximo a construção do novo pedágio, que conta com mão única. “Dia sim e dia não ocorrem acidentes na rodovia, principalmente envolvendo caminhões. A via não tem estrutura para o trânsito, principalmente nos horários de pico”, afirmou. Camila relatou ainda que a rodovia liga a várias cidades e bairros. “Infelizmente. nós. moradores próximos da rodovia vivenciamos as tragédias que acontecem nesse trecho”.

O motorista Aguinaldo de Jesus Aguiar enfatizou que aumentou a quantidade de acidentes, depois da retirada dos radares. “Alguns motoristas abusam de velocidade, mesmo em uma rodovia com pista simples e alto fluxo de caminhões”, comentou.

A Eixo SP Concessionária de Rodovias, que administra o trecho, informou que quilômetro 182+250 da SP 308 – Rodovia Hermínio Petrin, em Charqueada, está em obras para implantação da praça de pedágio. O local está devidamente sinalizado. “Importante ressaltar que nas obras executadas pela concessionária todo projeto de sinalização é desenvolvido de acordo com o Manual de Sinalização Rodoviária DER-SP”, cita a nota.

LEIA MAIS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

4 × 3 =