Você já sentiu curiosidade para compreender o significado dos seus sonhos. E o que a psicologia aborda sobre os sonhos. Segundo a teoria psicanalítica baseado na teoria Freudiana, os sonhos podem revelar insights sobre os desejos e as emoções ocultas dos seres humanos. Claro que baseado em outras teorias existem demais posicionamentos sugerindo que os sonhos auxiliam na composição da memória, enfrentamento para tentar solucionar dificuldades e também podem ser considerado produto da ativação cerebral aleatória.

Em meados de 1900 a teoria psicanalítica evidenciou os sonhos como sendo manifestações dos desejos e ansiedades mais profundas, podendo estar relacionado a conteúdos experienciados e reprimidos na infância e o pai da psicanálise (Freud) acreditava que os sonhos, independente do seu conteúdo indicavam a representação do conteúdo de liberação da tensão sexual. É importante esclarecer que todos os indivíduos sonham e no decorrer de uma noite, uma pessoa pode ter um único sonho ou muitos sonhos diversificados.

Temos dados científico que apontam que um individuo sonha ao menos noventa minutos em uma noite, e que o sonho pode se prolongar pelo período de duas horas, desta forma cientistas afirmaram que uma pessoa pode passar até seis anos da sua vida sonhando. Um individuo pode sonhar de quatro a sete sonhos distintos no decorrer de uma noite, porém a maior parte dos sonhos são incompreensíveis, nos impossibilitando de lembra los apos despertar, no entanto, poucos são claros, conseguimos distingui-los com lembranças que fixam em nossas memórias e a partir do conhecimento sugerido pela psicanálise, os significados dos sonhos que sonhamos estão diretamente relacionados com o nosso inconsciente, e esses sonhos podem variar, podendo ser assustador, excitante, mágico, melancólico, aventureiro ou sexual e na maioria das vezes não é possível ter controle sobre o sonhador, somente com exceções onde o individuo que sonha é autoconsciente. Inclusive os sonhos podem produzir pensamento criativo, promovendo inspiração ao sonhador.

Geralmente para os indivíduos que optam pela análise os sonhos costumam serem compreendidos e ou interpretados no processo terapêutico, pois podem para a psicanálise Junguiana serem mensagem enviadas pelo nosso inconsciente, servindo de link entre os processos conscientes e inconscientes, sendo um facilitador, estimulando a manutenção do equilíbrio psíquico. Desta maneira para esse autor da psicanálise interpretar os sonhos, até mesmo os pesadelos podem ser uma mensagem do inconsciente para alcançar a almejada cura interior.

Quanto maior a profundidade alcançada na interpretação estimula com que o sonhador tenha mais consciência do porque produz determinado sonho em um dado momento, além de estimular a oportunidade de saber quais são os desejos e realizações mais profundos do nosso verdadeiro eu. Quando um individuo se torna capaz de interpretar os significados ocultos dos sonhos, nasce a oportunidade de um conhecimento exclusivo que promove ao individuo ser capaz de mudar a sua própria vida. Então o paciente leva o sonho para seu psicólogo, que auxiliará na compreensão desse conteúdo ampliado, elaborado e ressignificado e desta forma as mudanças passam a ser implantadas de forma consciente e o individuo começa a perceber a clara mudança de atitude perante sua própria vida.


Ana Carolina Carvalho Pascoalete

Leia Mais:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

16 + sete =