Taekwondo: olímpicos brasileiros voltam a competir depois de um ano

Taekwondo: olímpicos brasileiros voltam a competir depois de um ano
Fonte: Agência Brasil

Entre os dias 6 e 7 de março, a equipe brasileira de taekwondo classificada para os Jogos Olímpicos de Tóquio voltará a competir depois de um ano da paralisação dos torneios por conta da covid-19. Milena Titoneli, até 67kg, Edival Pontes (Netinho), até 68kg, e Ícaro Miguel, até 80kg, participarão do torneio de Sofia, na Bulgária.

“Eu já estava com saudades de viver a rotina de viagens novamente, e acho que vai ser muito bom, principalmente antes dos Jogos Olímpicos, vou poder me preparar melhor, sentir o clima novamente. Com essa pandemia acabei ficando um ano sem torneios, e agora na Bulgária, vou conseguir ver como está meu desempenho, vou lutar com alguns atletas que também estarão em Tokyo, e isso vai ser ótimo pra fazer alguns testes, aplicar alguns ajustes que fiz durante esse ano de treinamento, é hora de testar tudo, corrigir os erros e seguir melhorando”, disse Netinho à equipe do Comitê Olímpico do Brasil (COB) sobre o retorno aos campeonatos.

O último torneio dos brasileiros, que estão concentrados desde fevereiro na Sérvia em um período de treinamentos, foi justamente o Pré-Olímpico de março do ano passado na Costa Rica.

Taekwondo: olímpicos brasileiros voltam a competir depois de um ano

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dezenove − dez =