Tecnologia da informação tem cursos gratuitos com Microsoft

Foto: Alessandro Maschio/JP

Segundo análise de especialista do setor, os temas são inovadores e atualização é sempre necessária

O Governo do Estado de São Paulo está com 4,5 mil vagas em cursos gratuitos com a Microsoft. Os temas são inovadores, avalia a técnica de informática da Frente Avançada de TI (Tecnologia da Informação) da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba), Gabriela Oliveira Rodrigues. Para se inscrever é preciso ter a partir de 18 anos, deter algum conhecimento em TI e inglês e, ao menos, ensino médio incompleto. Para se candidatar acesse o link bit.ly/3DmtiQA. O setor tem tido boa abertura no mercado de trabalho, principalmente diante da pandemia e necessidade do uso de máquinas.

Batizado por programa Minha Chance São quatro trilhas de ensino: Fundamentos do Microsoft Computação em Nuvem (AZ-900), Fundamentos de Inteligência Artificial (AI-900), Fundamentos de Plataforma de Dados (DP-900) e Fundamentos de Plataforma Computacional (PL-900).

“A nuvem faz parte do nosso dia a dia, trabalhamos com arquivos gravados nela e compartilhamos com os colegas de trabalho, fazemos nossos backups de arquivos e fotos, ou seja, a administração e manutenção desse novo modelo de servidor está em alta e tende a crescer ainda mais”, diz Gabriela, que também estudou ciências da computação, administração e tem MBA em Gestão de Projetos.

Já sobre a inteligência artificial é uma área que vem acompanhando a sociedade há tempos. “Seja na saúde, agricultura e até para aventuras nas galáxias. Eu acredito que logo estaremos lado a lado das máquinas de uma forma maior que estamos hoje. Claro que temos situações, sentimentos, emoções que não serão simplesmente copiadas, mas, de certa forma, a inteligência artificial já é essencial no dia a dia de qualquer profissional”, contextualiza a especialista.

Sobre a Plataforma Computacional, ela abrange o empreendedorismo em TI. “Assim, quem se especializar nessa área vai atuar nas novas tecnologias e desenvolvimento de processos sendo Apps ou no PowerBi para que a análise desses dados resulte em produtos mais diretos, mais rápidos e exato.” Numa análise sobre os cursos, Gabriela destaca: “um dia a ferramenta x está em alta, no dia seguinte já será a ferramenta y, então inovar não é apenas nos upgrades de equipamentos, mas também nos conhecimentos”.

Cristiane Bonin
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

18 + doze =