Tenente-coronel Edgard Marcos Gaspar assume comando do 10º Baep

Tenente-coronel Gaspar ajudou na implantação do Águia em Piracicaba e assumirá o 10º Baep (Claudinho Coradini/JP)

O 10º Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia) terá novo comandante. Foi publicado no Diário Oficial desta sexta-feira (12), a nomeação do tenente-coronel Edgard Marcos Gaspar, que anteriormente era chefe do Estado Maior do CPI-9 (Comando de Policiamento do Interior). Ele troca as funções com o tenente-coronel Fernando Aparecido de Souza, que respondia pelo Baep desde a sua criação, por meio de decreto, em agosto de 2019.

Gaspar ingressou à corporação como temporário ainda aos 17 anos e mais tarde à Academia do Barro Branco. Como oficial, trabalhou no 3º Batalhão de Policiamento de Trânsito em São Paulo, em 1995 a 1996; como comandante de pelotão. Nos dois anos seguintes foi Comandante de Força Patrulha, no

5º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano, na Zona Norte da Capital. De 1998 a 2001 atuou no Centro de Formação de Soldados “Cel PM Eduardo Assumpção”, atualmente, Escola Superior de Soldados “Cel PM Eduardo Assumpção. Fez parte do Grupamento de Radiopatrulha Aérea – “João Negrão”, atualmente, Comando de Aviação da Polícia Militar – “João Negrão”, onde foi  aprovado no concurso de seleção em 2001 para Piloto Policial de Helicóptero, passando pela Base de Aviação de Campinas e, em 2010, participou da implantação da Base de Aviação em Piracicaba, unidade aérea da Polícia Militar, onde permaneceu na função de comandante, sendo responsável pelo patrulhamento aérea nos 52 municípios da região do Comando de Policiamento do Interior – 9, desempenhando as atividades em apoio policiamento urbano, policiamento de choque, policiamento rodoviário, policiamento ambiental, Corpo de Bombeiros (no combate a incêndio e salvamentos) e Defesa Civil. Ainda em 2010, implementou na Base de Aviação, com a ajuda de empresários, o QAP – Quartel Aberto ao Público – evento filantrópico destinado a crianças carentes e com necessidades especiais de diversas entidades da região de Piracicaba.

Gaspar também liberou as equipes enviadas para auxiliarem nos resgates de corpos de Brumadinho. Piracicaba foi a primeira equipe a receber essa importante missão. Ele ficou no comando do Águia até ser assumir sua função na Chefia do Estado Maior do CPI-9.

TENENTE-CORONEL SOUZA

Nascido em Altinópolis, na região de Ribeirão Preto, filho de ferroviário e dona de casa, Fernando Aparecido de Souza escolheu sua carreira ainda muito jovem. Aos 17 anos, ele fez sua inscrição na Academia da Polícia Militar Barro Branco. Já com a patente de tenente-coronel na corporação, recebeu uma nossa missão: comandar e implantar o 10º Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia), em Piracicaba.

Tenente-coronel Souza participou da criação do 10º Baep (Claudinho Coradini/JP)

Souza participou desde a escolha do prédio -, que mais tarde passou a ser sede do Batalhão, na rua Maringá, 450, no Jardim São Francisco -, até a seleção dos mais de 200 policiais militares que foram selecionados como efetivo, para atuarem e reforçarem a segurança de 52 municípios, que fazem parte do CPI-9.

O treinamento foi o ponto alto desses homens e mulheres, que integram a corporação. Todos eles participaram de treinamento com as equipes de ponta da Polícia Militar como a Rota (Ronda Ostensiva Tobias de Aguiar), COE (Comando e Operações Especiais) e Batalhões de Choque de São Paulo. O motivo? Esses policiais foram treinados para atuar nas situações consideradas mais graves, como o combate ao crime organizado, tráfico de drogas, roubos a bancos.

Mesmo antes da inauguração, quando ainda estavam em treinamento, os policiais do Baep prenderam um homem, de 56 anos, suspeito de tráfico de drogas na rodovia Deputado Laércio Corte (SP-147), no bairro Marrafom, em Iracemápolis, no dia 23 de outubro de 2019. O suspeito estava em uma carreta e, com ele, foram encontrados 58 tijolos de cocaína pura, o equivalente a 60 quilos, avaliados em R$ 1 milhão em prejuízo ao tráfico de drogas.

Após a inauguração da sede, o 10º Baep atuou nas prisões de dois suspeitos de envolvimento no roubo a agência da CEF (Caixa Econômica Federal), em Hortolândia, no dia 30 de dezembro de 2019. Para o tenente-coronel, o Baep veio para somar com as demais forças de segurança.

Cristiani Azanha

[email protected]

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

cinco × 3 =