USP abre concurso cultural aos estudantes

Teatro, audiovisual e música estão entre as categorias. Foto: Divulgação

Premiações chegam a R$ 4.000 e há sete categorias para incluir produções

Todos os estudantes da USP (Universidade de São Paulo), incluindo Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz), podem se inscrever no concurso Nascente até dia 20 do próximo mês – acesse https://prceu.usp.br/nascente/
A edição 28 do programa é uma iniciativa da pró-reitoria de Cultura e Extensão da universidade.

Desde sua criação, em 1990, o concurso se mostra bem concorrido com o expressivo potencial artístico em todas as áreas de conhecimento, conta a pró-reitora adjunta de Cultura e Extensão Universitária e coordenadora do programa Nascente USP, Margarida Maria Krohling Kunsch. Cerca de 9.000 estudantes já participaram de alguma forma da competição, que premia vencedores das categorias em até R$ 4.000.

“Criar oportunidades para que os estudantes de graduação e pós-graduação mostrem seus talentos e, consequentemente, agreguem valor à sua trajetória pelo reconhecimento público de suas obras artísticas e culturais é um dos propósitos do programa Nascente”, diz Margarida Maria.

Ao todo são sete categorias para inscrever produções e trabalhos: artes cênicas, artes visuais, audiovisual, design, música erudita, música popular e texto. O Nascente de 1991 teve a participação de diversos artistas consagrados em sua primeira festa de premiação, com destaque para Chico Buarque, que entregou o prêmio para Marco Tsuyama Cardoso e Mario Lima Neto, primeiros vencedores em música popular do concurso.

O concurso tem por objetivo mapear e estimular a produção cultural dos alunos da USP e foi idealizado na gestão do professor João Alexandre Barbosa, com inspiração da professora Ana Mae Barbosa, então diretora do Museu de Arte Contemporânea (MAC) da USP.

“Chamamos os chefes de departamento para participação ativa. A ideia é fazer com que o programa possa ser incluído no cotidiano no sentido de fazer parte do ano e não de apenas de um concurso e premiações”, diz o coordenador acadêmico do Nascente USP, Claudio Mubarac, em entrevista à Rádio USP FM.

Cristiane Bonin
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dezessete + 15 =