Velocista piracicabano disputa Troféu Brasil de Atletismo e foca em Tóquio

Erik Cardoso participa do Troféu Brasil em busca de vaga para Tóquio - Crédito foto: Wagner Carmo/CBAt

Depois de conquistar a medalha de ouro no revezamento 4x100m masculino, em prova disputada durante a 52ª edição do Campeonato Sul-Americano de Atletismo Adulto, realizado na cidade de Guayaquil, no Equador, o velocista piracicabano Erik Cardoso participa do Troféu Brasil de Atletismo, o evento mais importante da modalidade no país.

A competição acontecerá neste final de semana, no (Cotp) Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, que fica localizado na Vila Clementino, na capital paulista. O torneio é uma das últimas chances para que o piracicabano e muitos outros atletas brasileiros da modalidade possam alcançar os índices olímpicos para participarem dos Jogos de Tóquio.

Quem também luta para conquistar sua vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio é o velocista Rodrigo Nascimento, campeão mundial no revezamento 4x100m e que está buscando o índice no individual dos 100m. “Minha expectativa é a melhor possível. Tivemos alguns contratempos com viagens e questões de Covid, mas conseguimos correr atrás do tempo perdido e nos preparar da melhor forma para essa competição” – disse Nascimento.

A atleta Vitória Rosa é especialista nos 200m rasos e já tem índice para Tóquio. Ela vem fazendo sua preparação em São Paulo e disse que com a vaga já garantida, a pressão para alcançar bons resultados no Troféu Brasil é bem menor.

“As minhas expectativas são as melhores. Quero usar o Troféu Brasil como preparação para as Olimpíadas. Já que essa é umas das melhores competições do calendário brasileiro. Por já ter o índice, isso me deixa com um peso a menos para carregar. Mas, por outro lado, quero repetir o índice das Olimpíadas e estar em condições para almejar quem sabe uma final olímpica.” – comentou Vitória Rosa.

Até o momento, o Brasil já tem 30 vagas confirmadas para o atletismo nos Jogos de Tóquio. As únicas nominais até o momento são dos três maratonistas: Daniel Chaves, Daniel Ferreira do Nascimento e Paulo Roberto de Almeida Paula. A expectativa é que após o Troféu Brasil esse número cresça um pouco e ajude a aumentar a delegação brasileira no Japão.

Da Redação

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dois × 1 =