Vereador investigado deixa sessão camarária

Foto: Alessandro Maschio/JP

Endereço onde funciona o escritório ‘Fala Pira’

A divulgação sobre as investigações do MP (Ministério Público) e da decisão da justiça a respeito do caso da rachadinha do vereador Cássio Luiz Barbosa (PL), o Cássio ‘Fala Pira’, fez com que o parlamentar se ausentasse da sessão camarária desta segunda-feira (8). Ele foi até seu gabinete, de onde gravou um vídeo exibido ao vivo em uma rede social. O parlamentar comentou sobre seu projeto particular, o Fala Pira, quanto aos casos de doentes e outros auxílios atendidos, inclusive diretamente pelo vereador quando ainda não tinha cargo público.

“Se eu estiver no erro, eu não quero que só a justiça me condene. Eu quero que a lei maior do homem, me condene, que é a lei de Deus. Essa não falha. Se eu fiz errado, se eu estou pisando na bola, tirando meio centavo, que seja, de alguém, eu quero que Deus me castigue. É um vexame eu ter que passar por isso”, disse ao final do sua live.

O vereador também publicou uma nota em seu perfil no Facebook, chamando a imprensa de tendenciosa e que os jornalistas são comprados. “Será que sou eu mesmo a ser afastado pelo MP? Com tantas denúncias de desvios de milhões nesta cidade e nunca prenderam ninguém?”, questionou. A reportagem do JP fez contato com o gabinete, via e-mail, na segunda-feira e destaca que até o momento não recebeu qualquer retorno de Cássio Barbosa.

Cristiane Bonin
[email protected]

LEIA MAIS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

onze − um =