(divulgação/PM)

Um vigilante foi preso pela Polícia Militar após ser flagrado com uma pistola, em um supermercado, no Centro de Capivari, no início da noite de quinta-feira (27). Ele estaria portando o documento de registro de arma de fogo, assim como sua carteira profissional, mas não tinha documento de porte de arma de fogo. O homem foi encaminhado ao plantão policial, onde foi autuado em flagrante sob acusação de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, mas foi liberado após pagamento de fiança, no valor de R$ 1.000.
Segundo a Polícia Militar, um solicitante entrou em contato com o Copom (Centro de Operações da Polícia) informando sobre um homem que teria entrado em um supermercado com um volume na cintura aparentando ser uma arma de fogo.
Os policiais foram até ao estabelecimento, onde teriam localizado o suspeito que tinha as mesmas características informadas anteriormente pelo denunciante.
Os PMs constataram que ele portava uma pistola com o carregador e oito munições. Ele alegou que trabalhava como vigilante e chegou a apresentar o documento de registro de arma de fogo, assim como sua carteira de trabalho de vigilante, entretanto, por sua vez não foi apresentado o documento de porte de arma de fogo.
Ele foi levado ao plantão policial, onde prestou depoimento e liberado após o pagamento de fiança.
A arma e as munições foram apreendidas pela Polícia Civil e serão encaminhadas para a perícia no IC (Instituto de Criminalística). (Cristiani Azanha)

17 COMENTÁRIOS

  1. Isso é um crime, antes desarmem os que andam assaltando e cometendo latrocínios e outras tantas barbáries, mas desarmar um trabalhador, tem que mudar mesmo esse estatuto do desarmamento que só serve para dar mais a impressão para os criminosos que podem fazer o cidadão de bem de gato e sapato que os coitados não podem portar uma arma de fogo, isso é brincadeira.

  2. Vergonha, está na hora do Presidente eleito liberar o porte de arma para esses profissionais, além de serem uma segurança a mais para a sociedade, podem também auxiliar a polícia denunciando e até dando vós de prisão a pessoas suspeitas e criminosos.

  3. Vergonha de lei .
    O guarda municipal anda pra cima e pra baixo armado quando não está em serviço.
    A lei 10826 é clara acima de 50.000 e abaixo de 500000 porte de arma quando em serviço.
    Vê se a pm conduz , e se conduzir o delegado solta .
    Vergonha de situação cade o art 5 da constituição que todos são iguais perante a lei .

  4. Tomara que realmente Bolsonaro derrube o estatuto do desarmamento…o vigilante e um profissional sem antecedentes criminal com registro na PF…tem curso de preparação….e não precisavam se preocuparem com ele ….afinal se estivesse lá para roubar não era o porte de arma que faria a diferença….sei que lei é lei…mais devemos respeitar mais os profissionais privados que fazem a diferença e a segurança de instituições e de pessoas.

  5. Saudades de quando se podia andar armado e se defender de ladrões. Hj Graças ao estatuto do desarmamento, enfiado goela abaixo dos cidadãos de bem pelo então revolucionário Luiz Inácio Lula da Silva, somos presas fáceis e indefesas. E a JUSTIÇA, ainda pune aqueles que adquirem armas de fogo de maneira legal. Será que é melhor adquirí-lo no mercado negro?

  6. Faltou um pouco de paciência para o vigilante. Dia primeiro de janeiro será liberado o porte para todo cidadão de bem.

    Mas vejam bem como São as coisas no Brasil ….. o cidadão trabalha o dia inteiro armado….. Aí não pode ter o porte de arma fora do serviço?
    É uma sacanahem danada….
    O cara é trabalhador…..
    Se fosse político tudo bem deveria ser preso mesmo!
    Não entendi nada.
    Vai prender ladrão!

  7. Vigilantaço 4ª série forte! Não aprendem nunca! Por isso a categoria continuará sem moral e respeito! Sou vigilante e quando vejo essas bizarrices tenho vergonha alheia… Viglicia! Vigilante que pensa que é polícia! Kkkkkkkkkkkkkkkk

  8. A arma é legal, vigilante porta arma de fogo durante todo o horário de trabalho, ao sair do trabalho não pode portar arma, Brasil terra dos absurdos.

    Se Deus quiser estes absurdos serão corrigidos no governo Bolsonaro que venha 2019.

  9. Desnecessário isso Vigilante tem porte de arma En serviço e por está leis para vagabundo não pode porta sua própria arma entra logo bolsonaro para mudar estas leis inúteis

  10. O vigilante é habilitado para ficar armado por 12HS para proteger a vida e o patrimônio de terceiros, agora as outras 12HS para proteger sua vida e patrimônio e família, perde toda a perícia? Viva o estatuto do desarmamento!

  11. Vendo todos os comentários, só gostaria de salientar que é uma situação muito difícil para os policiais, que mesmo tendo a certeza de se tratar de uma pessoa de bem, trabalhador, vigilante, etc…, tem o dever legal de conduzir o vigilante para a delegacia, houve uma denuncia, os policiais foram ao local e constataram a infração! Se deixarem de apresentar o vigilante na delegacia, incorrem em crime de prevaricação, que pode inclusive gerar a demissão dos agentes da lei!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

19 − doze =