Você leva seu pet para fazer um check-up anual? Não? Saiba qual a importância

Foto: Alessandro Maschio/JP

Animais domésticos são parte integrante das famílias. Por esse motivo, zelar e cuidar da sua saúde é muito importante

Assim como nós, os animais também precisam realizar exame de rotina, os tão famosos check-up e exames laboratoriais. Através deles os veterinários conseguem identificar o estado da saúde do animal e diagnosticar quaisquer alterações precocemente.

Quando filhote, os exames devem ser feitos após a amamentação e com uma frequência mensal. Já na fase adulta, o recomendado é que seu pet faça o exame de bem-estar uma vez ao ano e se ele for idoso ou geriátrico, a média dos exames são semestrais.

Existem dois tipos de exames realizados em animais, os laboratoriais (sangue, urina, fezes) e de imagem (radiografia, ultrassom, ecocardiograma, entre outros). Eles são requisitados pelo veterinário com base no histórico do paciente, no relato do proprietário e no exame clínico, feito durante a consulta.

Cada animalzinho exige um cuidado diferenciado e no caso dos gatos, “A avaliação de saúde deve ser feita desde filhote. Através do protocolo vacinal, da realização de controle de endoparasitas (vermes) e de ectoparasitas (Pulgas, carrapatos, ácaros), da alimentação e orientações sobre manejo, higiene…O profissional médico veterinário, de acordo com a anamnese (conversa com o tutor) e do exame físico realizado em consultório, irá definir quais exames indicados sempre de forma individualizada visando a necessidade de cada paciente.” Ressalta Dra Mariana Agnese Bortolazzo.

Ela reforça, que alguns tipos de exames são indicados de forma geral e de acordo com a idade de cada felino,“ Durante a fase pediátrica (até 2 anos) deve ocorrer a realização de sorologia e PCR para FIV/FeLV e exames coproparasitológicos. Na fase adulta: (2 a 6 anos) com acompanhamentos anuais, realização de exames complementares, tais como: hemograma completo, bioquímico, eletrólitos, exame de urina… Aspirando assim, identificar de forma precoce e tratar possíveis alterações. Exames adicionais podem ser requisitados dependendo necessidade individual de cada paciente. Já na faseGeriátrica (Acima de 7 anos), os exames hematológicos, bioquímicos, hormonais, de imagem e cardiológicos assumem maior importância, considerando doenças comumente acometidas á animais idosos.”

O importante é você ficar atento aos sinais e sintomas anormais que seu animal pode apresentar, principalmente no comportamento. Atente-se para: cansaço, coceira excessiva, falta de apetite, sono em demasia, fraqueza, salivação ou sede excessiva.

Caso o animal apresente algum sintoma incomum, como os citados acima, é necessário procurar um médico veterinário. Assim, é ele quem vai solicitar os exames laboratoriais para diagnosticar com agilidade e precisão o estado do animal.

Daniela Boaventura
[email protected]

LEIA MAIS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

três × 4 =