XV afasta a crise, derrota o Londrina-PR e se classifica na Copa do Brasil

Samuel Andrade fez o gol da classificação diante dos paranaenses (Foto: Claudinho coradini/JP)

O XV de Piracicaba venceu o Londrina-PR pelo placar de 1 a 0, na noite de quarta-feira (5), pela primeira fase da Copa do Brasil 2020. A partida foi disputada no Estádio Barão da Serra Negra e, com o gol de Samuel Andrade, o Nhô Quim venceu sua primeira partida no ano, sua primeira partida na história da Copa do Brasil, pela primeira vez está classificado para a segunda fase e garantiu R$ 650 mil pela vaga. O próximo adversário é o Juventude-RS, que eliminou o Coruripe-AL (0 a 0) mais cedo, em partida que será em Piracicaba, em data que ainda será definida pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

O XV foi a primeira equipe a chegar ao gol. Em jogada pelo lado direito, Kadu Barone cruzou para Caio Mancha, que parou em Matheus Albino. No rebote, Samuel Andrade chutou livre, mas a bola subiu e foi para fora. Três minutos depois, Daniel Costa bateu escanteio na esquerda e Caio Mancha cabeceou forte, porém sem direção e a bola saiu pela linha de fundo. Aos 12 minutos, o zagueiro Paulão saiu jogando errado e a bola parou no pé do meia Danilo, que chutou para o gol, porém a bola foi travada e foi para fora.

O Londrina voltou a assustar o XV em um contra-ataque puxado por Marcelinho, que lançou para Miuellen, que venceu o zagueiro do XV na velocidade, porém Mota saiu do gol para evitar o chute do atleta. Aos 28 minutos, após escanteio cobrado por Daniel Costa, Matheus Albino não conseguiu socar a bola, que ficou viva na pequena área. Kadu Barone pegou a sobra, porém chutou torto e o XV desperdiçou uma boa chance.

O Nhô Quim teve uma ótima chance aos 35 minutos, em um contra-ataque puxado por Filipe Cirne pela direita. O atleta puxou a marcação, cortou pelo meio e tocou para Daniel Costa, livre na ponta-esquerda. O camisa 10 cortou a marcação e bateu para o gol, porém pegou muito mal e isolou a bola. Nos acréscimos da primeira etapa, Jeferson Feijão cruzou na área e a bola foi direto para o gol, obrigando o goleiro adversário a desviar para a linha de fundo.

O Alvinegro voltou com apetite para o segundo tempo e em sua primeira grande chance na etapa final, abriu o placar. Daniel Costa bateu escanteio da esquerda, Diego Jussani cabeceou travado e a bola sobrou para Samuel, que, da entrada da área, chutou forte e rasteiro da meia-lua, colocando no canto direito do goleiro do LEC.

O Londrina voltou a assustar em cobrança de falta aos 19 minutos, quando a bola ficou viva na grande área, porém Jussani salvou o Nhô Quim ao afastar para lateral. Quatro minutos depois, Igor Paixão recebeu a bola em velocidade e bateu para o gol, porém colocou muita curva na bola, que se perdeu pela linha de fundo. O XV respondeu com Erison, aos 27 minutos, porém o atacante pegou mal de perna esquerda e isolou.

O XV ficou com um a menos após a expulsão de Robertinho aos 30 minutos, que recebeu o segundo cartão amarelo após parar o contra-ataque do adversário. Mesmo com 10 jogadores, o Nhô Quim quase fez o segundo cinco minutos depois, com Erison, porém Matheus Albino defendeu em dois tempos. Aos 40 minutos, Igor Paixão assustou em cruzamento direto, mas não acertou o gol.

Aos 43 minutos, Igor cruzou para Junior Pirambu, porém a cabeçada foi fraca e Mota defendeu sem dificuldades. Quatro minutos depois, o Londrina teve ótima chance com Pirambu, porém Mota fez uma excelente defesa com o pé, para classificar o XV para a próxima fase.

Mauro Adamoli