Xv é derrotado pela terceira vez seguida na semifinal Foto: Michel Lambstein

O XV de Piracicaba perdeu para o São Caetano pelo placar de 2 a 1 no começo da noite de quarta-feira (30), pelo jogo de volta da semifinal do Campeonato paulista Série A2 2020. Caio Mancha abriu o placar, porém Alex Reinaldo empatou e Anderson Rosa fez o gol que recolocou o São Caetano na primeira divisão, já que a primeira partida terminou empatada em 0 a 0. O Nhô Quim é eliminado pelo terceiro ano seguido da semifinal e novamente bateu na trave na tentativa de voltar a primeira divisão.

O XV assustou logo no primeiro minuto. Após um passe de Daniel Costa, Jefferson Feijão cruzou da direita, mas o atacante Kadu Barone não conseguiu cabecear em cheio. Aos 4 minutos, após contra-ataque puxado pelo Nhô Quim, Daniel Costa lançou para Raphael Macena, que cortou dois defensores, porém o chute rasteiro saiu a esquerda do gol de Luiz Daniel. A primeira chance do São Caetano veio aos 7 minutos, após Everton Dias roubar e bola e rolar para Emerson Santos, que bateu colocado, mas a bola saiu sob o gol de Mota.

O XV voltou a assustar com Gabriel Soares, aos 11 minutos, que recebeu de Macena, mas o volante pegou mal na bola e não acertou o gol. No lance seguinte, Daniel recebeu de Kadu Barone na esquerda. O meia bateu de primeira, mas a bola pingou no campo e a bola saiu novamente sem direção.

O Azulão respondeu com Eric Di Maria, mas o chute saiu fraco. Um minuto depois, Eric teve nova oportunidade, batendo firme desta vez e obrigou Mota a fazer uma boa defesa. Na batida de escanteio, Diego Jussani não conseguiu afastar, mas o chute de Sandoval saiu mascado e o jogo continuou empatado.
Aos 16 minutos, Daniel Costa bateu escanteio no lado direito e Caio Mancha apareceu de surpresa, para cabecear firme e abrir o placar no ABC Paulista, sem dar chances de defesa para o goleiro Luiz Daniel. Cinco minutos depois, Feijão recebeu da entrada da área e levou perigo para o adversário, exigindo uma boa defesa do goleiro.

O São Caetano respondeu aos 30 minutos, após Anderson Rosa cruzar para a cabeçada de Joel Vinicius, mas o atacante não acertou o gol. Na sequência, Alex Reinaldo recebeu na direita e cruzou na área, porém o cruzamento virou um chute, na qual a bola encobriu o goleiro Mota e o lateral fez um belo gol para empatar o jogo.

O XV tentou na bola parada aos 42 minutos. Na batida de Daniel Costa, Paulão cabeceou na trave. Na sobra, Jussani pegou de primeira na entrada da área, mas isolou a bola.

A primeira boa chance no segundo tempo foi do São Caetano, com Marlon, que entrou no intervalo, recebeu no meio e chutou rasteiro, obrigando Mota a fazer uma boa defesa. Na sequência, Dudu bateu forte, mas a bola foi desviada, saindo pela linha de fundo. A primeira chance do XV veio com Macena, aos 6 minutos, mas a batida subiu muito.

Aos 14 minutos, o São Caetano fez uma bela jogada, na qual Anderson Rosa recebeu sozinho, dominou, mas pegou mal na bola, perdendo uma ótima chance de virar o placar para os mandantes. No lance seguinte, o São Caetano fez a mesma jogada, Marlon tocou novamente para Anderson Rosa, que dominou e bateu colocado, na saída do goleiro Mota para virar o placar para o Azulão.

O São Caetano voltou a assustar aos 24 minutos. Anderson Rosa recebeu na esquerda, entrou na área e bateu forte, com Mota fazendo uma boa defesa. No rebote, Marlon bateu de primeira e Mota, ainda no chão, fez uma excelente defesa. No novo rebote, Ronaldo fez o gol, mas o meia estava impedido. Um minuto depois, Marlon bateu fraco e Mota agarrou. Na sequência, Kelvin recebeu na esquerda, tocou para Daniel Costa, que ajeitou para Marcelinho, mas o atleta isolou a bola.

Aos 36 minutos, o XV desperdiçou uma ótima oportunidade. Após um lançamento do Marcelinho, Erison saiu nas costas da marcação, dividiu com o goleiro e deixou a bola com Macena, que cabeceou de primeira, sem goleiro, e a bola saiu a direita do gol.

Depois da boa chance desperdiçada, o XV não se encontrou mais na partida, abusou das bolas alçadas na área, não conseguiu criar mais chances de gol e novamente foi derrotado na semifinal da Série A2, batendo na trave pelo terceiro ano consecutivo.

Mauro Adamoli

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

3 + 9 =