XV não suportou o calor de Taubaté e voltou a perder depois de 10 jogos (Foto: Bruno Castilho/EC Taubaté)

O XV de Piracicaba perdeu para o Taubaté pelo placar de 1 a 0 na tarde deste sábado (14), no Estádio Joaquim de Moraes Filho, em Taubaté. David Batista, na primeira etapa, fez o gol da vitória do Burro da Central, que acabou com a invencibilidade de 10 jogos do Alvinegro que caiu para a quinta posição, com 19 pontos. O Taubaté, com 21 pontos, dorme na vice-liderança, com 21 pontos.

O XV chegou pela primeira vez logo com dois minutos de jogo. Após Fábio interceptar cruzamento, a bola sobrou para Gabriel Soares, que ligou rápido contra-ataque para Caio Mancha, que tentou encobrir o goleiro fora da grande área, porém chutou mal e a bola não foi em direção do gol. O Taubaté teve sua primeira chance aos sete minutos, com Chumbinho, porém o chute saiu fraco. Três minutos depois, em uma ótima troca de passes, o Burro da Central arrematou para o gol, mas a bola saiu sem direção.

A resposta do Nhô Quim veio aos 16 minutos, com Kadu Barone, que aproveitou escanteio aberto de Daniel Costa e bateu de primeira, mas a bola saiu fraca e sem direção. O Burro da Central abriu o placar aos 18 minutos. Em jogada pela esquerda, Negueba cruzou para Ermíno. O atacante não conseguiu dominar, porém a bola sobrou para David Batista, que, de bicicleta, marcou um golaço para deixar o time da casa na frente do placar. O Taubaté voltou a atacar com Rodriguinho, porém o chute foi sem direção e saiu por cima do gol.

A resposta do XV veio apenas aos 38 minutos, em escanteio cobrado por Daniel Costa, porém Paulão cabeceou sem direção. No lance seguinte, David cruzou para o gol, mas a bola foi desviada e ficou com o goleiro William. O Nhô Quim tentou responder aos 44 minutos, novamente com David. Kadu Barone venceu a marcação e cruzou para Caio Mancha, mas a zaga tirou. Na sobra, o lateral chutou de primeira, mas pegou “na orelha” da bola, que saiu pela linha de fundo.

Na segunda etapa, o Taubaté foi o primeiro a chegar para o gol, desta vez com Boquita, que bateu de fora da área, mas Fábio defendeu sem dificuldades. Aos 11 minutos, o Nhô Quim chegou ao ataque com Filipe Cirne, que recebeu bela bola de Gabriel Soares e ficou na cara do gol, porém furou na hora do arremate. Três minutos depois, Gabriel Soares tocou para Daniel Costa na meia-lua, que ajeitou para Walfrido bater de primeira. O chute saiu forte, mas sem direção e se perdeu pela linha de fundo.

A melhor chance do Nhô Quim no jogo veio aos 17 minutos. Em escanteio fechado de Daniel Costa, Caio Mancha se antecipou aos zagueiros e cabeceou forte, mas a bola explodiu no travessão. Na sequência, Negueba cruzou para Rodriguinho, mas o atacante cabeceou sem direção. A resposta do XV foi aos 25 minutos, em cruzamento de Walfrido, porém nem Gilberto Alemão e nem Erik Gabriel conseguiram aproveitar a chance. No lance seguinte, Paulão recebeu da esquerda e chutou cruzado, obrigando William a fazer uma boa defesa.

Aos 33 minutos, Quirino aproveitou saída errada do XV e chutou de dentro da área, mas Fábio defendeu sem dar rebote. Na sequência, Daniel Costa fez um lindo lançamento para Robertinho, que se antecipou a marcação e bateu forte, porém a bola foi para fora, perdendo uma ótima chance de empatar a partida. Aos 38 minutos, em bela jogada de Ermínio, Quirino dominou e bateu colocado, mas a curva foi pelo lado errado, saindo pela linha de fundo.

Na marca dos 42 minutos, Erison recebeu um belo lançamento da defesa, ficou na cara do gol e tirou do goleiro, mas a bola bateu na trave, impedindo o empate quinzista. Na sequência, Ermínio aproveitou jogada e bateu de dentro da área, mas Fábio defendeu com o pé, evitando o tento dos mandantes.

O Nhô Quim volta a campo na sexta-feira (20), às 20h, diante do Votuporanguense, no Estádio Barão da Serra Negra.

Mauro Adamoli

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

oito − sete =