XV marcou dois gols por jogo desde a retomada da competição (Foto: Divulgação)

O XV de Piracicaba enfrenta a Portuguesa nesta segunda-feira (7), às 17h30, no Estádio Barão da Serra Negra, em Piracicaba. O confronto é valido pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paulista Série A2 2020. O jogo de volta ocorre uma semana depois, em São Paulo. O Nhô Quim foi o sexto colocado na primeira fase, enquanto a Lusa ficou na terceira posição, com 27 pontos.

O Alvinegro piracicabano ganhou mais um reforço para a sequência da Série A2 e corre contra o tempo para regularizá-lo antes da partida diante desta segunda-feira. Se trata do atacante Kelvin, que joga pelas beiradas do campo, na qual terá a concorrência de Kadu Barone, Erik, Marcelinho, Fabrício e Igor Aguiar, além do meio-campista Filipe Cirne, que vinha exercendo essa função, e Erison, que também pode atuar como centroavante.

Kelvin chegou com o aval do técnico Evaristo Piza, já que ambos trabalharam juntos no Botafogo-PB. “O Kelvin é um jogador que potencializará ainda mais o nosso elenco e nos ajudará muito nesse momento decisivo da competição. A diretoria nos passou essa possibilidade, de trazer mais uma peça, e o Kelvin acreditou nas chances de conquistar o acesso aqui. Ele é um atleta que pode atuar pelos dois lados do campo, de enfrentamento, que gosta do um contra um e, o que foi decisivo para que acertasse conosco, estava atuando”, disse o treinador quinzista.

Antes da parada em razão da quarentena, a Portuguesa era apenas a oitava colocada, porém após a retomada da competição, a Lusa é uma das melhores equipes, já que é uma das três (ao lado de São Caetano e São Bento) que venceram os três jogos após a retomada da competição, resultados que levaram a equipe a terceira posição e deu a vantagem do mando de campo neste confronto. A equipe paulistana também tem a melhor defesa da competição, com apenas oito sofridos, sendo que não sofreu gol desde a retomada.

Na primeira fase, XV e Portuguesa se enfrentaram logo na primeira rodada. A partida foi no dia 22 de janeiro e a Lusa venceu por 2 a 0, dois gols de Lúcio Flávio. O Nhô Quim teve quatro atletas naquela partida que saíram durante a parada da competição: Gilberto Alemão, Assis, Hiroshi e Bruno Lima, além do técnico Tarcísio Pugliese.

O último jogo entre XV e Portuguesa no Barão foi disputado na última Série A2, e o Nhô Quim venceu o confronto por 2 a 0, gols de Gilberto Alemão e Ítalo.

TESTE DE COVID-19
Elenco e comissão técnica do XV passaram por mais uma bateria de testes PCR, feitos no Barão da Serra Negra, pela equipe do hospital Albert Einstein, na manhã da última quarta-feira (2), para detecção da covid-19. Todos os 38 exames realizados tiveram o resultado negativo.

Mauro Adamoli

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

2 + 5 =