XV venceu mais uma na Série A2 (Foto: Michel Lambstein)

O XV de Piracicaba se deu bem neste domingo de carnaval (23) e venceu o Red Bull Brasil por 3 a 1, no Estádio Barão da Serra Negra, pela oitava rodada do Campeonato Paulista Série A2. Cristiano abriu o placar para o Toro Loko, porém Caio Mancha, Gilberto Alemão e Erison marcaram os gols do Nhô Quim, que chegou a 14 pontos, conquistou sua quinta vitória consecutiva e subiu para o quarto lugar, apenas três pontos atrás do líder Monte Azul.

O XV deu o primeiro chute a gol aos seis minutos com Kadu Barone, que pegou sobra de um bate e rebate na frente da grande área, porém chutou fraco, facilitando a defesa de Jordan. A primeira grande chance saiu aos 12 minutos, com Filipe Cirne, que recebeu pelo passe de Daniel Costa, e bateu forte para o gol, porém o goleiro do Red Bull espalmou para escanteio. Aos 16 minutos, Daniel Costa bateu falta direto para o gol, porém não conseguir surpreender o goleiro Jordan, que espalmou para frente.

O Nhô Quim voltou a assustar aos 20 minutos, após cobrança de falta fechada de Daniel, porém Gilberto Alemão errou o tempo da bola e não conseguiu o cabeceio. Em sua primeira chegada ao ataque, aos 26 minutos, o Red Bull Brasil abriu o placar. David recebeu na direita e tocou para o meio da área, Robertinho não conseguiu afastar a bola, sobrando para Cristiano, que bateu de primeira. O chute ainda desviou em Jussani, para enganar o goleiro Mota, que sofreu o primeiro gol do jogo.

O Alvinegro respondeu aos 32 minutos, com Jussani, que aproveitou o cruzamento da Daniel Costa, e soltou um “míssil” de cabeça, mas a finalização não teve direção e foi para fora. Seis minutos depois, o XV reclamou de um pênalti nem Filipe Cirne, porém o árbitro nada assinalou e a jogada continuou. Na sequência, Daniel Costa cruzou na cabeça de Caio Mancha, que finalizou no contrapé do goleiro do Toro Loko para empatar o confronto.

A última chance do primeiro tempo foi do Red Bull, com Pablo, que puxou contra-ataque e bateu forte e firme, porém Mota encaixou para as equipes irem para o intervalo empatadas.

O XV voltou ligado para o segundo tempo e quase virou nos primeiros segundos, com Daniel Costa, que tabelou com Cirne e bateu firme para o gol, mas a bola foi para fora. Um minuto depois, Cirne recebeu de dentro da área e bateu de voleio, e a bola explodiu no travessão. No bate-rebate, a bola sobrou para Caio Mancha, que dominou de peito em frente a pequena área e finalizou para o gol, porém Jordan fez uma excelente defesa.

Aos 11 minutos, Erison recebeu belo lançamento do estreante Walfrido, entrou em velocidade e bateu forte para o gol, exigindo uma boa defesa de Jordan. Três minutos depois, Pablo recebeu lindo lançamento de Johnatan e bateu na saída do goleiro Mota. A bola passou a centímetros da trave e saiu pela linha de fundo.

O atacante Erison recebeu outro lançamento em contra-ataque, chutou de fora da área, sendo que a bola foi desviada, saindo para escanteio. Na batida de Daniel Costa, aos 18 minutos, Gilberto Alemão subiu no terceiro andar para cabecear firme. A bola tocou no travessão e entrou no fundo das redes do Red Bull, para confirmar a virada do Nhô Quim. Aos 22 minutos, Pablo recebeu e tentou encobrir Mota, porém o goleiro esticou o braço para evitar novo empate.

Aos 30 minutos, o Red Bull teve boa chance em cobrança de falta, mas Patrick mandou por cima. Dois minutos depois, em jogada rápida pela esquerda, Chrigor chutou de primeira, mas Mota defendeu de “manchete”. Aos 38 minutos, o Toro Loko assustou em bela cobrança de falta de Chrigor. A bola foi rasteira e Mota se esticou para fazer uma linda defesa no Barão. Aos 43 minutos, após cruzamento de Patrick, Chrigor cabeceou com perigo, mas Mota fez outra grande defesa para salvar o Nhô Quim mais uma vez. Na sequência, Bruno recebeu o lançamento e chutou para o gol, obrigando Mota a fazer outra boa defesa.

Após sofrer uma enorme pressão, o Nho Quim matou o jogo aos 48 minutos. Erison foi lançado pelo goleiro Mota, saiu em contra-ataque, ficou na cara de Jordan, para tirar o goleiro e fazer o terceiro gol do Nhô Quim, que conquistou mais três pontos no Barão.

O Nhô Quim volta a campo nesta quarta-feira de cinzas (26), às 16h30, diante do Juventude-RS, pela segunda fase da Copa do Brasil 2020. A partida será em Piracicaba.

Mauro Adamoli

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

5 × 4 =